Home / Notícias / Esporte / Atletas voaram baixo na Corrida da Juventude

Atletas voaram baixo na Corrida da Juventude

Rosinha e Larissa fizeram dobradinha no pódio. Foto: divulgação

 

Corredores de Araucária deram um espetáculo de velocidade no sábado, 27 de outubro, na 1ª Corrida da Juventude de Fazenda Rio Grande. A maioria voltou para casa com medalhas de ouro, outros com a prata, outros com o bronze, e muitos, mesmo sem pódio, retornaram comemorando a participação na prova.

Da Equipe Rodrigues, as atletas Rosinha Garcia e Larissa Bazia fizeram dobradinha no pódio, com o 1º e o 3º lugar na classificação geral, respectivamente. Kelly Bento ficou em 3º na categoria e Claiton Reinbold também em 3º na categoria. A Rodrigues também ganhou o troféu de 3º lugar, por ser a terceira maior equipe na prova. “Eu fui muito bem, principalmente porque não estava correndo nada. Estou super feliz”, disse Larissa, que começou a participar de competições há pouco tempo. Já Rosinha, que vem se superando a cada prova, conquistou seu primeiro troféu de campeã geral. A atleta é bastante focada e dedicada em atingir seus objetivos.

Da Equipe Caveira Cross, Ana Paula de Oliveira foi a 1ª, Simone Palmas a 3ª, Paola Santos a 3ª, e Melissa Palmas a 1ª, nas suas respectivas categorias.

Maicon Sulivan, da equipe Esquadrão Alfa Speed ficou em 2º na classificação geral, e Cristiano Mantovani, que corre avulso, foi o 5º colocado na classificação geral. “Faz dois anos que comecei a correr, meu tempo sempre era muito alto nas provas, mas com as dicas e os treinos repassados pelo Maicon, consegui baixar bastante o meu tempo”, comemorou.

Maratona

O atleta José Roberto Lambari, também da Equipe Rodrigues, ganhou mais um ouro no sábado, 27, na Meia Maratona da Graciosa, com percurso de 21km, que aconteceu em Morretes. Ele ficou em 1º lugar na sua categoria, 60 a 65 anos.

“Ao concluir essa prova, cheguei a conclusão que todo corredor deve respeitar a subida da Graciosa, pois são 21kms, sendo 15 de subida, que suga até a última gota da nossa energia. Procurei manter meu ritmo, e como os velhinhos deixaram, fui o primeiro da categoria, mas quase fui pro soro. Só me resta agradecer pela torcida e apoio de todos”, comentou o atleta.

Publicado na edição 1137 – 01/11/18

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*