Home / Notícias / Esporte / Quando é preciso superar os próprios limites

Quando é preciso superar os próprios limites


Claudia, Leandro, Jonatas e Patricia deram um exemplo de superação

Araucarienses testaram seus limites no Desafio Braves que aconteceu no sábado, 18 de março, em São José dos Pinhais. A corrida com barreiras no estilo treinamento militar, exigiu muita coragem, determinação e fôlego dos atletas, principalmente dos estreantes. Foi assim com os amigos Claudia Tino, Jonatas Domingos Soares, Patrícia Diogo e Leandro Silva. Eles tiveram que vencer uma série de barreiras para completar a prova. Tinha lama, água, arame farpado, rolos, redes, plataformas, escalada, rampa, pneus, muro, parede inclinada e muito mais.
“Foi a primeira vez que participei do desafio. A Patrícia teve a ideia e convidou o pessoal, então nós topamos e nos inscrevemos. Todos praticamos atividades físicas, não fomos totalmente despreparados”, contou.


Claudia disse que além de se divertirem muito, eles testaram seus próprios limites. Completaram o percurso, super puxado, em 3h55min. “Pra mim o mais difícil foram as escaladas, não consegui fazer alguns exercícios de força, mas o que importa é que completamos a maioria. Acho que o tempo da prova desgastou a gente”, contou.
Em setembro tem outra prova do Braves e Claudia já adiantou que vai participar e se preparar melhor, treinar muito, para desta vez cumprir todos os obstáculos.
O colega Jonatas, que durante um ano fez treinamento funcional, mas parou um tempo e só voltou há duas semanas, comenta que sentiu o desgaste pelo tempo que ficou parado. “A prova foi bem difícil, mas conseguimos completar a maioria dos obstáculos. Um foi incentivando o outro. Pra mim o que pesou mesmo foi o cansaço, a falta de fôlego. Mas estamos aí para o Braves de setembro”, adiantou.
Da SMEL
Cinco atletas da equipe de Caveira Cross Training da Secretaria de Esporte e Lazer também testaram seus limites. São eles: Ana Paula de Oliveira, o secretário de Esportes João Carlin Padilha, Eduardo Novik de Oliveira, Eduardo Henrique dos Santos e David Enrique Martins.
Dois atletas da equipe se saíram muito bem e ficaram entre os primeiros 20 colocados do grupo de elite.

Foto: Divulgação

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*