Família de Elly Barros precisa de ajuda | O Popular do Paraná
Home / Notícias / Geral / Família de Elly Barros precisa de ajuda

Família de Elly Barros precisa de ajuda

Elly precisa de cuidados intensivos e o marido Edson não pode se afastar dela

 

A família da jovem Elly Barros, 35 anos, está precisando de ajuda para custear seu tratamento médico. Desde 2014, a jovem é portadora de uma doença neurodegenerativa e progressiva, conhecida como (ELA) Esclerose Lateral Amiotrófica, que foi descoberta quando ela estava grávida de sete meses.

A partir do momento em que Elly recebeu o diagnóstico da ELA, a evolução foi rápida e o marido Edson teve que largar tudo e passou a se dedicar exclusivamente aos seus cuidados. A família não tem renda, vive de doações, e apesar de muitas pessoas ajudarem, as necessidades ainda são muitas. Edson relata que vem fazendo o que pode para lidar da melhor maneira possível com essa situação, e garante que, se Deus não o sustentar em seus braços, não será capaz de suportar.

Há um ano, ele fez uma postagem pedindo ajuda, pois não tinha condições para sequer comprar os remédios da sua amada. Na época houve tanta colaboração que a família conseguiu se manter por um ano. “Somos muito gratos a todos que nos ajudaram. Mas hoje estamos precisando de ajuda novamente, não temos mais condições para honrar nossos compromissos e nem para comprar alimento, medicamentos, fraldas e leite. Eu gostaria muito de poder trabalhar, já pensei em fazer muitas coisas, mas minha amada requer cuidados 24 horas, assim como meu filho Lucas, de dois anos. Moramos em casa eu e minha esposa Elly, meus filhos Vitor (16) e Marcos (13), e nosso filho Lucas (2). Está difícil conseguir nos manter”, comentou.

Hoje a renda total da família é de R$ 224,00, sendo R$ 124,00 de bolsa família e R$ 100,00 de outro benefício assistencial. Entre as principais despesas estão o aluguel de R$ 950,00; o plano de saúde da Elly e do Lucas por cerca de R$ 630,00; a luz de aproximadamente R$ 290,00; água e esgoto de R$ 130,00; mercado uma média de R$ 500,00 e os medicamentos (que ficam em torno de R$ 500,00. “As fraldas fornecidas pela prefeitura são limitadas a seis pacotes por mês e a farmácia do governo não fornece todos os medicamentos usados pela Elly. Somos totalmente dependentes de Deus e até aqui Ele nos abençoou, certamente não irá nos desamparar, pois tem usado muitas pessoas em todo o Brasil e até em outros países para cuidar de nós nesse momento. A Elly está estável, graças a Deus, atualmente tratando de uma lesão nas córneas, o que a faz ficar a maior parte do tempo com os olhos fechados”, contou Edson.

O que doar

As pessoas podem doar fralda geriátrica para a Elly tamanho M, lençol absorvente, toalha umedecida, fralda infantil tamanho GG para o Lucas, creme corporal, cesta básica e medicamentos para a Elly. As doações poderão ser entregues na Rua Paulo Alves Pinto, 2098, no bairro Iguaçu, e o telefone é o (41) 99692-2746.

Quem preferir poderá fazer doações em dinheiro na Caixa Econômica Federal, Agência 0712 – Op 013 – Conta Poupança 58178-2, em nome de Elizangela Gomes Barros, CPF 062.464.104-05.

 

Texto: Maurenn Bernardo

Sobre Redação

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado. Os campos requiridos são marcados com *

*