Home / Notícias / Geral / Município pretende investir em uma área voltada para empresas de tecnologia

Município pretende investir em uma área voltada para empresas de tecnologia

A ZIE proposta no PDA está localizada entre a Avenida das Araucárias, Rua Presidente Castelo Branco e Rua Ladislau Genbaroski, no bairro Thomaz Coelho.

 

EDIÇÃO ESPECIAL DE ANIVERSÁRIO – 129 ANOS

Consta na revisão do Plano Diretor de Araucária (PDA) como opção de diretriz e nova proposta para a cidade, a criação de uma área de desenvolvimento tecnológico.

A ideia parte da necessidade de um desenvolvimento econômico e social baseado na diversificação das funções urbanas e rurais municipais. Para alcançar esse objetivo é necessário: a variação das atividades industriais e dos serviços oferecidos atualmente; mudança do perfil de cidade industrial poluente para uma cidade “limpa” e tecnológica; promoção de atividades de maior conteúdo tecnológico; dinamização da economia rural e, por fim, estímulo ao desenvolvimento social a partir de transformações econômicas e territoriais.

Dentro do plano a principal proposição econômica é estimular o desempenho das atividades produtivas e atrair novos investimentos. Essa engrenagem econômica provê meios para fomentar o crescimento dos demais setores complementares, que possam contribuir com o progresso dos índices sociais e municipais.

Neste sentido o Plano Diretor mostrou a evidente necessidade da implantação de um polo tecnológico e da diversificação de áreas e estabelecimentos de comércio e serviços.

Zona Industrial Especial

A criação da Zona Industrial Especial (ZIE) corresponde a uma área estratégica da ocupação urbana, com potencial logístico e apta para abrigar novos empreendimentos industriais voltados a tecnologia, pesquisa e inovação.

A ZIE proposta no PDA está localizada entre a Avenida das Araucárias, Rua Presidente Castelo Branco e Rua Ladislau Genbaroski, no bairro Thomaz Coelho. O local para implantação desse pólo foi pensado para esta região porque as redes de infraestrutura disponíveis e os imóveis vagos em área próxima dos acessos à Curitiba dão suporte ao desenvolvimento dessa zona industrial.

Esse pólo tecnológico possui um caráter especial. Para a ZIE é previsto um novo complexo de empresas de tecnologia, com o objetivo de promover o desenvolvimento socioeconômico de Araucária através de novas possibilidades de mercado, resgatando e renovando a importância metropolitana e regional do município, por meio de um distrito de inovação com incentivo à instalação de empreendimentos de baixo impacto ambiental e alto valor agregado. Para viabilizar a criação dessa nova Zona Industrial Especial são necessários:

• Garantir a infraestrutura de uma área propícia para a instalação de empreendimentos industriais, de tecnologia, pesquisa e inovação;
• Prover incentivos a empreendimentos com atividades compatíveis com o desenvolvimento da cadeia produtiva local e as vocações econômicas de Araucária;
• Promover a ampliação das redes de infraestruturas necessárias à instalação a atividades dos empreendimentos;
• Aproveitar o potencial logístico da área e a aptidão à ocupação por novos empreendimentos industriais de cunho tecnológico, de pesquisa e de inovação;

“Pensando no futuro de Araucária a gente quer incentivar a criação dessa zona de desenvolvimento tecnológico, na região do Thomaz Coelho. E a ideia principal é fomentar a vinda de empresas de alta tecnologia para cidade. Mas, lembramos que o plano diretor não trabalha sozinho, são necessárias parcerias com o governo, por exemplo, para que possam viabilizar a instalação das empresas de fora do município. Enquanto PDA nós temos que criar no nosso zoneamento a possibilidade novos investimentos”, pontua Natália Cabrita, coordenadora da revisão do Plano Diretor de Araucária.

Texto: Danielle Peplov

 

Sobre Katty Ferreira

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*