Home / Notícias / Geral / Pacientes enfrentam problemas no agendamento de exames

Pacientes enfrentam problemas no agendamento de exames


É lamentável quando você aguarda meses até conseguir realizar um exame ou fazer uma avaliação para realizar uma cirurgia pelo SUS e, quando isso finalmente está prestes a acontecer, você chega no local para o qual foi encaminhado e descobre que não havia nada agendado em seu nome. Simplesmente perde a viagem, e precisa aguardar na fila mais um tempão.

Este é o drama que muitos pacientes de Araucária tiveram que enfrentar recentemente, a exemplo da Susana Ribeiro. Ela relata que foi encaminhada pela unidade básica de saúde do Santa Mônica para uma avaliação de cirurgia ginecológica no Hospital do Rocio, em Campo Largo, mas quando chegou lá, no dia e horários pré-agendados, não tinha nenhuma consulta agendada em seu nome e que teria que entrar em contato com o posto de Araucária pra verificar o que teria ocorrido. “Liguei no posto e ninguém me atendeu, então uma amiga que trabalha na saúde me orientou a procurar a Ouvidoria. Lá fui informada de que iriam encaminhar o caso para o HMA, e que entrariam em contato comigo. Na unidade de saúde me falaram que iriam priorizar minha consulta e me encaminhariam para Curitiba. Estou aguardando”, comentou.

Da mesma forma, uma paciente que preferiu não revelar o nome, contou que também teve encaminhamento para o Rocio, e quando chegou lá não havia nada no sistema. “A gente espera tanto e ainda perde um tempão pra se deslocar até outra cidade. Não acredito que possam ser tão desorganizados assim”, criticou.

Sobre o caso, a Secretaria Municipal de Saúde, justificou que foram situações isoladas após o fim do contrato entre o Hospital do Rocio e o instituto que anteriormente gerenciava o HMA. Os encaminhamentos continuam ocorrendo via sistema de regulação do Estado. Lembrou ainda que o atendimento no HMA é para casos de média complexidade. O foco dos casos até então encaminhados para o Hospital do Rocio eram os de alta complexidade. Como o número total de atendimentos da Saúde é grande e cada caso tem sua particularidade, é preciso que a avaliação de cada situação seja de maneira individual. Os moradores podem solicitar informações e registrar reclamações via Ouvidoria da Saúde: 0800 643 7744 ou ouvidoriadasaude@araucaria.pr.gov.br.

Publicado na edição 1128 – 30/08/18

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*