Home / Notícias / Geral / Prazo ainda maior: Ministério da Saúde estende vacinação contra gripe até 15 de junho

Prazo ainda maior: Ministério da Saúde estende vacinação contra gripe até 15 de junho


O Ministério da Saúde estendeu o prazo de vacinação da campanha contra a gripe até 15 de junho. Com isso, a vacinação em Araucária se estenderá até a mesma data. Nestea mesma semana, a campanha já havia sido prorrogada pelo Estado do Paraná (até 9 de junho – prazo que deixa de valer). Todos os postos de saúde de Araucária continuarão a aplicar as doses nas pessoas que fazem parte do público-alvo até o novo prazo.

De acordo com números repassados pela Secretaria Municipal de Saúde de Araucária (dados totalizados em 25/05), enquanto a procura dos idosos (acima de 60 anos) pela vacina no município já ultrapassou os 100% (100, 56%), o de crianças (de 6 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias de idade) ainda está em 57,48% (a meta é 90%) e o de gestantes em 65,46%. O público-alvo da campanha de vacinação é definido pelo Ministério da Saúde e leva em conta os grupos mais vulneráveis a complicações com a gripe. Esses números aumentam a preocupação com a sequência de dias mais frios, quando é comum aumentar o número de famílias que buscam atendimento de urgência e emergência para as crianças em decorrência de gripe.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), o mês de maio é o mês em que o Pronto Atendimento Infantil de Araucária (PAI) realiza o maior número de atendimentos de crianças. A expectativa é que mais de 9 mil atendimentos ocorram neste mês. Já a Secretaria de Estado da Saúde afirma que, das 14 mortes causadas pela gripe registradas no Paraná, 11 eram pessoas a partir de 60 anos com alguma doença crônica.

Outros grupos

A vacinação de puérperas (mulheres que deram à luz há menos de 45 dias) chegou a 99,64%. No caso de trabalhadores de saúde o índice chegou a 80,21%. Fora da meta de 90% estipulada, a vacinação dos professores da rede pública ou privada (com atividade em sala de aula) está em 85,60% e a de pessoas com doenças crônicas (casos de comorbidade) está em 66,33%.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde de Araucária, são as pessoas com doenças crônicas (conforme listagem do Ministério da Saúde) e que não tomam a vacina contra a gripe a maioria das vítimas de mortes por complicações da doença. As unidades de saúde podem esclarecer sobre a vacinação para este grupo. Já o Ministério da Saúde reforça que a vacinação dos grupos previstos na campanha também beneficia quem está fora desses grupos por ajudar a combater a circulação dos vírus.

Vacina

A vacina oferecida neste ano pelo Sistema Único de Saúde (SUS) é voltada para combater influenza H1N1, H3N2, e o influenza B (linhagem Yamagata). É preciso esclarecer que a vacina NÃO é capaz de fazer desenvolver a gripe porque é feita com o vírus morto. Outra questão que merece destaque é que a vacina contra influenza realiza a proteção relacionada a alguns dos principais vírus que estão circulando e contidos na vacina anual. Há outros vírus circulando que não contam com vacina.

A vacinação contra a gripe pode ocorrer na mesma ocasião de outras vacinas ou medicamentos; com exceção de quem tomou vacina contra a dengue (ofertada em alguns municípios onde houve surto de dengue) e faz-se necessário aguardar 30 dias de intervalo. Pessoas doadoras de sangue devem esperar pelo menos 48 horas após a vacinação contra a gripe para realizar doação. A vacina contra o vírus influenza NÃO é indicada a pessoas com histórico de reação alérgica à vacinas anteriores ou com alergia grave a ovo de galinha e derivados.

Em caso de dúvida, os moradores podem procurar os profissionais da unidade básica de saúde mais próxima da residência. A seguir, a relação de horários das unidades básicas para vacinação.

 

CENTRO DE SAÚDE ARAUCÁRIA/CSA: das 08h às 12h e das 13h às 17h.

BOQUEIRÃO: 08h30 às 12h e das 13h às 17h.

COSTEIRA: 08h às 12h e das 13h às 17h.

CSU: 09h às 12h e das 13h às 16h30.

INDUSTRIAL: 09h às 12h e das 13h às 16h.

SANTA MÔNICA: 08h às 12h e das 13h às 16h30.

CALIFÓRNIA: 08h às 12h e das 13h às 15h30.

PADRE CHICO: 08h às 12h e das 13h às 17h.

SHANGRILÁ: 08h às 12h e das 13h às 16h.

TUPY: 08h30 às 12h e das 13h às 15h30.

VILA ANGÉLICA: 08h às 12h e das 13h às 16h30.

GUAJUVIRA: 08h às 12h e das 13h às 16h30.

LAGOA GRANDE: 08h30 às 12h e das 13h às 16h.

COLONIA CRISTINA: 08h30 às 12h e das 13h às 16h30.

TIETÊ: 08h às 12h e das 13h às 16h30.

RIO ABAIXINHO: 08h às 12h e das 13h às 16h30.

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*