Home / Notícias / Policial / “Carlinhos do Arvoredo” morre em confronto com a Polícia no Litoral

“Carlinhos do Arvoredo” morre em confronto com a Polícia no Litoral

Paulo Rogério Moraes, conhecido em Araucária como “Carlinhos do Arvoredo” acabou morte durante um confronto com policiais do Centro de Operações Policiais Especiais (Cope) na tarde desta terça-feira, 2 de outubro, em Guaratuba, no Litoral do Estado. Ele possuía diversas passagens registradas em sua ficha criminal. Boa parte delas oriunda de ilícitos que teriam sido cometidos na comunidade irregular do Arvoredo e adjacências, no bairro Capela Velha.


Conforme informações preliminares repassadas pela Polícia Civil, o confronto aconteceu por volta das 17h50, quando policiais do COPE realizavam um cerco na região de Guaratuba conhecida como Piçarras. A ação fazia parte de uma investigação para desarticular uma quadrilha que atuaria em roubos a caixas eletrônicos com atuação também no tráfico de drogas.

Os policiais teriam dado voz de abordagem ao grupo, sendo que Carlinhos não a teria acatado, o que obrigou os agentes a revidarem a injusta agressão. Mesmo usando um colete balístico, ele acabou sendo atingido e não resistindo ao ferimento. Com Carlinhos também foi encontrada uma pistola calibre 380.

Além de Carlinhos, os agentes do COPE também teriam prendido outros integrantes da quadrilha. Mais informações sobre a ação ainda não foram divulgadas.

Sobre Redação

Redação

11 comments

  1. Parabéns aos policiais na operação que colocou limite,no bandido Carlinhos do Arvoredo,estamos gratos a resposta da polícia.
    Safaram muitas vidas,e agora está pagando.
    Mas como deus e justo,aqui se faz,aqui se paga,agora vai sentar no colinho do capeta!!
    Parabens!!

  2. Podia mandar os outros pra vala também, mas mesmo assim Parabéns!!!

  3. Mais Gato de Araucária e Regiao

    Um voto ha menos pro Hadad

  4. Kkkkkkkk vc num falo isso!?falou?

  5. Tem que rever os métodos da nossa PM. Ele poderia muito bem ter sido desarmado sem violência e preso… Violência gera violência!!!

    • Você poderia falar a mesma coisa aos vagabas quando estiver com uma mirada na tua testa, o que acha?

      • Na conversa a gente resolve tudo. Basta ser racional, calmo e ter paciência.

        O senhor, pelo teor da mensagem, é um ser que precisaria de muito tratamento psiquiatrico, mas poderia ser convertido em um ser-humano melhor, com muito trabalho.

        • Pois é, isso de chamamos de inversão de valores, onde o vagabundo é vítima da sociedade atual?, bom, prefiro ser “louco” do que normal.
          Fazem 16 anos que tentam resolver este problema, e só piora, tem que ter mais 4 anos?
          A propósito, tá faltando vaga na cadeia, o que vossa senhoria que não tem moral nem de colocar o nome acha em recolher alguns destes pra dentro da tua casa e dar o devido tratamento que diz que merecem?

          • Se eu pudesse e tivesse a estrutura necessária, recolheria sim todos eles para a reabilitação, meu caro! A maioria é composta por pessoas que tiveram uma família desestruturada e falta de condições de estudo. Gente como nós, que pudemos ter a formação necessária, deveria prezar pelo bem estar de gente assim!

            Menos ódio no coração!!!

  6. Eu recolheria animais abandonados por eles, que sao as verdadeiras vitmas da sociedade.Nao da pra aguentar mais o numero excessivo de abandono de caes no municipio,principalmente na zona rural e bairros.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*