Da cadeia para o júri e do júri para a cadeia | O Popular do Paraná
Home / Notícias / Policial / Da cadeia para o júri e do júri para a cadeia

Da cadeia para o júri e do júri para a cadeia

O réu Diego Oliveira de Melo, conhecido como “Muquirana”, foi réu no Tribunal do Júri de Araucária na quinta-feira, 23 de novembro. Ele foi condenado pelo Conselho de Sentença e seu “passeio” não durou muito, pois saiu da cadeia para ser julgado e na tarde de quinta, logo após às 14h30, horário em que o julgamento foi encerrado, ele voltou para atrás das grades.

A pena calculada ficou em seis anos de detenção inicialmente em regime semiaberto, sem a possibilidade do réu recorrer em liberdade. Na sentença, o juiz indicou que Diego não tinha nenhum antecedente criminal registrado e que os motivos do crime estariam ligados à uma discussão em decorrência de relação amorosa entre a vítima e a esposa do réu.

Para relembrar os fatos, Diego estava sendo acusado pela morte do metalúrgico Josivaldo da Conceição, conhecido como “Baiano”, em 3 de novembro de 2009, na rua Beija Flor, no jardim Arvoredo. Muquirana teria descoberto que Baiano estava se separando da mulher para ir morar com a sua esposa.

Hoje, no último júri do ano, seria réu Valdemir Luiz de Lima, acusado por homicídio qualificado. O crime contra Valdinei de Oliveira aconteceu na noite de 17 de março de 2007, na avenida Manoel Ribas com a avenida São Vicente de Paulo, em plena via pública. Porém, o crime prescreveu e agora os júris voltarão a acontecer a partir de fevereiro de 2018.

Sobre Redação

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado. Os campos requiridos são marcados com *

*