Home / Notícias / Policial / Hoje será julgado réu que matou porque vítima teria praticado zoofilia

Hoje será julgado réu que matou porque vítima teria praticado zoofilia

Na época, mesmo na ambulância, o acusado fez careta para a foto. Foto: Marco Charneski


 

A partir das 9h desta quinta-feira, 18 de outubro, o réu Adilson Agostinho Costa será julgado no Tribunal do Júri de Araucária pelo homicídio contra Henrique Lourenço Orige, em 20 de agosto de 2014 em um bar na região rural de Colônia Cristina.

A motivação pode ter sido a morte de uma égua, conforme comentários de populares na época do crime. As informações eram que a vítima teria praticado zoofilia (sexo com animais) com a égua, que posteriormente teria aparecido morta no pasto. Por conta disso, Adilson teria ido vingar a morte do animal.

Quando a polícia chegou ao local, constatou a vítima já em óbito com várias facadas no peito e no pescoço. Conforme o boletim de ocorrência registrado na época, a faca estava cravada no peito de Henrique. O autor havia sido encontrado próximo do bar, caído com um ferimento por arma branco na perna direita.

Na época, o réu foi preso em flagrante e ficou internado na UTI do Hospital do Trabalhador, em Curitiba, porque ficou ferido durante a ação. Adilson ficou escoltado no HT pela Polícia Militar até receber alta médica.

Publicado na edição 1135 – 18/10/18

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*