Home / Notícias / Policial / Mas e o caso Daniele?

Mas e o caso Daniele?


daniele-dentro - Cópia
As investigações sobre o caso do desaparecimento da garota Daniele de Almeida Prade, 20 anos, moradora do bairro São Sebastião, que está desaparecida desde o dia 26 de janeiro deste ano, seguem na Delegacia de Polícia de Araucária. Segundo informou o escrivão Luiz Biesek, as investigações agora seguem outras duas linhas.

A primeira se concentra no local onde o telefone celular da garota deu sinal de torre pela última vez, em um matagal nas proximidades do jardim Maranhão. “Conseguimos uma planta da Sanepar com toda a extensão da rede de esgoto daquela área. Faremos uma busca porque a rede de esgoto é larga e por ela podem passar até duas pessoas”, disse.

Outra linha, segundo a polícia, está em depoimentos de pessoas que estariam supostamente envolvidas com o sumiço da garota. “Esta semana ouvimos uma mulher que seria a proprietária de uma moto BIZ, onde Daniele teria sido vista na garupa, antes de descer e depois entrar em um veículo Corsa. Confirmamos que a mulher tem uma moto que bate com as descrições das denúncias, e também vamos ouvir outra pessoa que pode ter relação com o desaparecimento da garota. O que podemos dizer é que as investigações nunca pararam, o problema é que são várias as linhas e todas precisam ser minuciosamente estudadas”, concluiu o escrivão.

Quem tiver alguma informação sobre o paradeiro da jovem Daniele, poderá ligar para a DP: 3641-6000.

Texto: Maurenn Bernardo / Foto: Reprodução Facebook

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*