Home / Notícias / Policial / Médicos atendem vítima de violência doméstica e acionam GM para prender agressor

Médicos atendem vítima de violência doméstica e acionam GM para prender agressor

O homem foi detido e levado à DP de Araucária. Foto: divulgação


 

A Guarda Municipal foi acionada pela equipe médica da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Araucária, por volta das 20h desta segunda-feira, 18 de fevereiro. Isto porque uma mulher de 23 anos deu entrada na unidade apresentando muitos ferimentos, após ter sido vítima de violência doméstica.

GM’s deslocaram-se então até a UPA e conversaram com a vítima. De acordo com o relato dela, seu marido, Geremias Pereira Vaz, teria a agredido com socos e chutes na cabeça. Na casa, onde sofreu a violência, ela chegou a ficar inconsciente, além de estar grávida de 18 semanas.

Com tais informações, a GM deslocou-se até a residência, na rua Manoel Torquato da Rocha Reis, no bairro Costeira. Lá, a mãe do agressor atendeu os guardas e permitiu a entrada da equipe na casa.

Geremias estava no banheiro e não atendeu às solicitações da equipe. Por isso, os guardas tiveram que empurrar a porta e se depararam com o homem sentado no “trono”. Ele não reagiu à prisão e quando chegou à Delegacia de Polícia Civil de Araucária ainda pediu para “continuar o serviço” no banheiro da DP.

Enquanto isso, sua esposa estava em observação, sendo hospitalizada, porque teve crises de desmaios devido às agressões que sofreu.

Publicado na edição 1151 – 21/02/2019

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*