Home / Notícias / Policial / “Mira ruim” leva policiais civis e guardas municipais a fazer bate-grade na cadeia da Delegacia de Araucária

“Mira ruim” leva policiais civis e guardas municipais a fazer bate-grade na cadeia da Delegacia de Araucária

Durante a tarde desta sexta-feira, 5 de janeiro, um funcionário da Delegacia de Araucária encontrou nos arredores da área onde fica a carceragem um frasco de shampoo que teria sido arremessado da parte de fora do terreno da DP.

Desconfiado que a ideia de quem jogou o shampoo não era apenas que os detentos ficassem com os cabelos mais cheirosos e macios, o funcionário decidiu cortar o frasco e descobriu em seu interior – vejam só – um aparelho celular e outros objetos cuja entrada é proibida na carceragem.

De acordo com informações apuradas por nossa reportagem, muito possivelmente a ideia de quem jogou o frasco era a de que ele atingisse uma grade superior numa parte da carceragem, utilizada pelos custodiados para “tomar banho de sol”. Porém, faltou mira ao arremessador.

A apreensão do celular fez também que com que a Delegacia acionasse a Guarda Municipal para auxiliar num bate-grade dentro da carceragem. Com isso, os guardas retiraram os presos do recinto para que a revista pudesse ser feita e, novamente, vários itens proibidos foram encontrados. Além disso, também foi encontrado um espécie de regimento interno, feito pelos próprios presos para disciplinar as regras de convívio dentro da cadeia, bem como as punições para aqueles que a descumprem.

Todo o material foi apreendido e encaminhado ao comando da Delegacia para as providências cabíveis.

 

Fotos: GM/Divulgação

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*