Home / Notícias / Policial / Não escapou da segunda tentativa de homicídio

Não escapou da segunda tentativa de homicídio

Moradores disseram não ter ouvido nada de diferente na madrugada. Foto: Marco Charneski


 

A semana mal começou e na manhã de segunda-feira o corpo de um homem foi encontrado em uma casa na Portelinha, na invasão do Santa Cruz, bairro Capela Velha.

A Polícia Militar foi acionada por volta das 8h para a ocorrência de achado de cadáver. A residência, na rua Nicoly, estava com a porta aberta e logo a frente um indivíduo em óbito com um tiro na cabeça.

Os órgãos competentes foram acionados e o corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML), onde foi identificado somente durante a tarde de segunda-feira como Edson Luiz Stanczyk.

No local, imperou a lei do silêncio. Moradores disseram não ter ouvido tiros ou discussão, apenas que a vítima era conhecida como “Polaquinho”.

A Delegacia de Polícia Civil de Araucaria instaurou inquérito para apurar o homicídio, mas ainda não tem a autoria do crime. Ao que se sabe preliminarmente, é que Polaquinho teria ligação com a gangue do Carlinhos de Arvoredo, também morto recentemente no litoral do Paraná.

Segundo informações da DP, no início deste ano Polaquinho já havia levado um tiro, sendo internado no hospital, de onde teria fugido. Ainda, conforme informou a delegacia, Edson já tinha passagem pela polícia por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.

Publicado na edição 1142 – 06/12/18

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*