Home / Notícias / Policial / Patrulhamento nas áreas rurais deverá ser intensificado

Patrulhamento nas áreas rurais deverá ser intensificado

Blitz estão sendo feitas semanalmente nas áreas rurais


 

Semanalmente vem acontecendo reuniões entre representantes da Polícia Militar e Guarda Municipal com moradores das áreas rurais de Araucária. Na noite desta terça-feira, 24 de julho, o encontro foi em Guajuvira, onde foram apresentados os trabalhos de policiamento à comunidade local.

Até algumas semanas atrás, uma viatura da Guarda Municipal trabalhava exclusivamente em patrulhamento na área rural. Hoje, são duas viaturas atendendo essas regiões em período diurno e noturno. “Dividimos as regiões rurais em duas áreas. O lado direito da rodovia do Xisto, pegando desde Rio Abaixinho, Guajuvira, Ipiranga, Rio Verde, Colônia Cristina e Roça Velha são atendidas por uma viatura. O lado esquerdo fica sob responsabilidade da outra viatura, atendendo desde o Campo Redondo até Onças”, informou a GM.

O diretor da Secretaria Municipal de Segurança Pública, Laercio Aguiar, explicou como o trabalho vem acontecendo. “Não somente essas duas viaturas exclusivas diariamente para trabalho nas zonas rurais, mas, em caso de necessidade, podemos deslocar outras viaturas para apoio. Ainda, caso moradores ou comerciantes notem pessoas estranhas, sintam-se incomodados com algo ou entendam que certa atitude pode ser uma ameaça, não devem hesitar em entrar em contato com a Guarda pelos telefones 153 ou 3642-1226”, indicou.

Já o capitão da Polícia Militar, Nelson Stoccheiro, informou que a partir do próximo mês haverá uma segunda equipe integrando a Patrulha Rural. “Com isso, haverá patrulhamento da PM nas regiões rurais da cidade em dois turnos. Fora isso, intensificamos os trabalhos nessas áreas, trabalhando também com operações frequentes” comentou.

Na tarde desta terça-feira, 24 de julho, por exemplo, foi rea­lizada uma operação Bloqueio pela PM na estrada Caminho dos Tropeiros, sendo abordados 6 automóveis, 2 motocicletas, 8 condutores e 12 passageiros.

A moradora do Tietê, Dominique Ribinski Bochoski, que havia sido vítima de assalto e comentou que em sete dias aconteceram cinco furtos na região onde ela mora, afirmou que a após o patrulhamento ser acentuado por parte da polícia e da guarda houve queda nos casos. “As ocorrências diminuíram depois do aumento da vigilância por parte dos policiais, das blitz semanais da guarda e também da integração dos moradores. Estamos com um grupo no Whatsapp e colocamos placas identificando que os vizinhos estão em alerta. Quando identificamos qualquer carro ou pessoa em atitude suspeita, comentamos no grupo e, se necessário, entramos em contato imediatamente com a polícia”, relatou.

Foto: divulgação

Publicado na edição 1123 – 26/07/18

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*