Réu que sumiu do julgamento continua foragido | O Popular do Paraná
Home / Notícias / Policial / Réu que sumiu do julgamento continua foragido

Réu que sumiu do julgamento continua foragido

O pai da vítima ateou fogo nos pertences da nora e do filho criminoso

 

Tito da Silva Camargo, que era réu no julgamento que aconteceu no Tribunal do Júri de Araucária na última quinta-feira, 1º de junho, fugiu do Fórum momentos antes de ser proferida a sua sentença. De acordo com a Polícia Civil e com o Judiciário, ele continua foragido. Tito é réu confesso do assassinato do próprio irmão, Eneas da Silva Camargo. O crime aconteceu em uma casa no bairro Cachoeira em 13 de janeiro de 2013.

O juiz Sergio Bernardinetti, que conduziu a sessão, comentou que as informações sobre Tito já foram repassadas às polícias e à Guarda Municipal que estão a sua procura. Segundo o juiz, em princípio o réu poderia vir a ter o direito de recorrer à sentença em liberdade, mas, agora, pelo fato de estar foragido, esta não é mais uma possibilidade visto que ele está com a prisão decretada.

Como ele estava respondendo em liberdade, não estava algemado e nem sob escolta policial durante o júri. A fuga aconteceu quando o Conselho de Sentença reuniu-se para votar na condenação ou absolvição de Tito. Neste momento, o réu foi autorizado a esperar, junto às demais pessoas que acompanhavam o júri popular, ao lado de fora do salão. Mas, ao retornarem ao Tribunal, Tito já havia desaparecido.

Ele foi condenado a 16 anos e oito meses de prisão em regime fechado. Apesar de o homicídio ter sido considerado simples, a pena foi acrescida pelo fato de ter sido cometida contra o próprio irmão.

 

Foto: Marco Charneski

Sobre Redação

Redação

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado. Os campos requiridos são marcados com *

*