Home / Notícias / Policial / Suposto feto era na verdade objeto de decoração

Suposto feto era na verdade objeto de decoração

O objeto pode ser encontrado para venda na internet


 

A Polícia Militar foi acionada na manhã desta segunda-feira, 20 de fevereiro, por moradores do bairro Capela Velha, para um possível achado de feto.
Tudo começou aproximadamente às 9h quando um morador encontrou um recipiente pequeno de vidro contendo o que se parecia com um feto humano, envolvido em um líquido, em um terreno baldio na avenida Avestruz.

Inicialmente, o objeto com o suposto feto não havia de fato sido identificado. Foi acionada a Delegacia de Polícia Civil de Araucária, uma equipe da Criminalística e também o Instituto Médico Legal (IML) que recolheu o pote para perícia.

No entanto, foi descoberto que, o que poderia ser um feto humano, era, na verdade, um objeto decorativo de “feto de Et”, encontrado facilmente na internet para venda. Observando as duas imagens, a do recipiente encontrado e também a do objeto para venda, as semelhanças podem ser percebidas com clareza.

Isto é, o que acabou mobilizando a polícia e equipes de investigação no início da semana, não passava de um objeto de resina vendido por cerca de R$ 139,00 na internet.

Foto: Marco Charneski e reprodução

Publicado na edição 1101 – 22/02/2018

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*