A pedido do MP, Justiça decreta prisão de 5 ex-secretários da Prefeitura de Araucária. Três já estão detidos | O Popular do Paraná
Home / Notícias / Política / A pedido do MP, Justiça decreta prisão de 5 ex-secretários da Prefeitura de Araucária. Três já estão detidos

A pedido do MP, Justiça decreta prisão de 5 ex-secretários da Prefeitura de Araucária. Três já estão detidos

O Ministério Público de Araucária, com o apoio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) cumpriu nesta segunda-feira, 9 de janeiro, mandados de prisão preventiva contra cinco ex-secretários municipais de Araucária na gestão de Rui Sérgio Alves de Souza (PTC), que também está preso desde o último dia 20 de dezembro.

 

Segundo apurou a redação de O Popular, os mandados cumpridos hoje são um desdobramento da operação Fim de Feira, deflagrada no final do ano passado e que levou à prisão o ex-prefeito Rui. Segundo o MP, ele liderava um esquema de corrupção na Prefeitura, que consistia na cobrança de uma porcentagem do que fornecedores do Município tinham para receber por serviços prestados. Os empresários que não aceitavam entrar no esquema acabavam tendo suas notas não pagas pela Secretaria Municipal de Finanças (SMFI).

 

Os mandados de prisão cumpridos hoje são contra Fernanda Maria Karas (ex-secretária de Governo), Carlos Alberto Grolli (ex-procurador geral do Município)  e Fabio Antonio da Rocha (ex-secretário de Finanças). Este último, aliás, já fora preso temporariamente na primeira fase da operação. Agora, sua prisão  passou a ser preventiva.

Os outros dois mandados, contra Marcio Silva Salgado (ex-secretário de Meio Ambiente) e Edson Luiz Braun (ex-secretário de Obras Públicas), não puderam ser cumpridos, pois os agentes não os localizaram em seus endereços. Em razão disto, eles são considerados foragidos. No entanto, haveria informações de que eles devem se apresentar ainda nesta terça-feira.

O Popular apurou também que Fernanda foi presa em sua casa, no bairro Fazenda Velha. Já Grolli foi detido em Santa Catarina.

Nossa reportagem apurou ainda que, ao contrário das prisões decretadas em 20 de dezembro, as de agora foram determinadas pelo juiz Fábio Luis Decoussau Machado, que está respondendo pelo plantão criminal do Fórum de Araucária. Na primeira fase da operação, a ordem de prisão foi determinada pelo Tribunal de Justiça do Paraná, já que Rui era prefeito e tinha foro privilegiado.

Foragido

Outro que está foragido é Joasiel Guilherme Soares, que teve a prisão decretada na primeira fase da operação. Ele seria, ao lado de Rui, um dos cabeças do esquema de corrupção montado na Prefeitura.

Mais informações sobre as prisões, você confere a qualquer momento no site de O Popular e a matéria completa na edição impressa que vai aos pontos de venda na quinta-feira, 12 de janeiro.

Fernanda Karas, que era secretária de Governo de Rui, foi presa em sua casa

Fernanda Karas, que era secretária de Governo de Rui, foi presa em sua casa

 

Grolli, que era procurador geral do Município, foi preso em Santa Catarina

Grolli, que era procurador geral do Município, foi preso em Santa Catarina

 

Marcio, que era o secretário de Meio Ambiente, foi procurado em São Paulo, mas não foi achado ainda

Marcio, que era o secretário de Meio Ambiente, foi procurado em São Paulo, mas não foi achado ainda

 

Outro alvo da operação foi o ex-secretário de Finanças do Município, Fabio Rocha

Ex-secretário de Finanças do Município, Fabio Rocha, já estava preso temporariamente. Agora sua prisão é preventiva

 

Guilherme teve a prisão preventiva decretada na primeira fase da operação. Ele segue foragido

Guilherme teve a prisão preventiva decretada na primeira fase da operação. Ele segue foragido

 

Texto: Waldiclei Barboza/ Fotos: Carlos Poly/ Arquivo Prefeitura de Araucária e Divulgação

 

 

Sobre Waldiclei Barboza

Waldiclei Barboza
Waldiclei Barboza é jornalista da editoria de Política de O Popular do Paraná desde 2005. Sempre às quintas-feiras, publica neste espaço e na edição impressa de O Popular uma Coluna sobre o dia a dia da política local.

8 comentários

  1. Acabou a fara e ainda faltam ir muita gente presa ainda deve ter muito vereadores e es secretario sem durmi isso é só o começo do fio dá ninhada

  2. Espero que muitos outros sejam presos, inclusive o Olizandro, pois é muito estranho a vontade dele de pregar uma crise, será que ele não desviava dinheiro também e botava a culpa na crise?

    • Pois é que peguem todos.Inclusive os vereadores e o ferreira da gestao 2009 porque ainda nao ficou claro quem passou a mao naquele dinheiro do armazem da familia.

  3. Falei! Corriqueira !

  4. Que vergonha . Nunca votei no Rui pois ele nunca foi eleito nem se quer como vereador. Ele entrou com suplente na câmara e o resto foi jogo político. Nunca ganhou uma eleição por isso não temos tanta culpa. Só sinto em ver nosso município ser tão degradado por pessoas mentirosas. .

  5. so prender nao resolve tem que devolver o que for comprovado que roubou a receita federal deveria analisar a origem dons bens que possui

  6. É esse povo que foi preso ontem de novo?

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado. Os campos requiridos são marcados com *

*