Comusar veta criação de grupo para discutir mudanças no laboratório municipal | O Popular do Paraná
Home / Notícias / Política / Comusar veta criação de grupo para discutir mudanças no laboratório municipal

Comusar veta criação de grupo para discutir mudanças no laboratório municipal

Reunião aconteceu na sede do Comusar

 

O Conselho Municipal de Saúde de Araucária (Comusar) realizou na noite desta terça-feira, 21 de novembro, uma reunião extraordinária para discutir algumas alterações que a Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) está estudando para descentralizar o atendimento do Laboratório Municipal, que fica no complexo do NIS.

A ideia da Secretaria de Saúde é fazer com que a coleta dos exames passe a ser realizada diretamente nas unidades de saúde, evitando assim que as pessoas tenham que se deslocar de todos os cantos da cidade até o laboratório municipal.

Dentro desta reestruturação, no entanto, haverá mudanças também nos tipos de exame realizados por equipe própria da Prefeitura, o que resultará em mudanças nas escalas de pessoal daquele setor. A Secretaria de Saúde, por exemplo, estuda aumentar a quantidade de exames que são feitos por meio do sistema de credenciamento com laboratórios particulares, fazendo com que muitos dos profissionais que hoje estão no laboratório municipal sejam remanejados para as unidades básicas de saúde, seja para atuar na coleta de amostras ou nas farmácias dos postos.

Durante a reunião desta terça-feira, os funcionários do laboratório compareceram em peso à sede do Comusar e por meio de alguns conselheiros tentaram aprovar a criação de uma câmara técnica para discutir a proposta da Secretaria de Saúde. Submetida a votação, porém, a ideia da formação do grupo foi rejeitada pela maioria do pleno do Conselho.

Ainda segundo informações da Secretaria de Saúde, trabalham hoje no Laboratório Municipal trinta profissionais: dezessete farmacêuticos bioquímicos, oito técnico em patologias, além de técnicos de enfermagem. Na reunião, alguns dos profissionais manifestaram seu receio com relação à forma como será feita esta descentralização e se ela respeitará as regulamentações do Ministério da Saúde para a coleta de exames e coisas do gênero.

Presente à reunião, o secretário de Saúde, Carlos Alberto Andrade, garantiu que todos os protocolos serão respeitados e que o objetivo da reestruturação é fortalecer o trabalho das unidades básicas de saúde e melhorar o atendimento ao cidadão, possibilitando que a coleta dos exames seja feita nas próprias unidades de saúde e com um tempo de espera bem menor do que acontece atualmente.

 

Texto e foto: Waldiclei Barboza

Sobre Redação

Redação

Um Comentário

  1. O COMUSAR de maneira honrosa continua na defesa do direitos dos usuários e servidores do SUS…sempre trazendo a baila questões importantes para a condução da politica pública de saúde, pena que muitas vezes o gestor não é aberto ao dialogo, e não aceite a participação mais ativa do usuário ou mesmo servidor nas questões da condução da politica de saúde municipal e mesmo a sociedade araucariense fique tão ausente das questões que lhe são tão próprias… mas parabéns ao Comusar por continuar FIRME …

DEIXE UM COMENTÁRIO

Seu endereço de email não será publicado. Os campos requiridos são marcados com *

*