Home / Notícias / Política / Implantação de novo sistema afetará atendimento em repartições da PMA

Implantação de novo sistema afetará atendimento em repartições da PMA

Foto: arquivo


 

A Secretaria Municipal de Comunicação Social (SMCS) divulgou esta semana uma má e uma boa notícia para os moradores de Araucária. A má é que entre os dias 10 e 14 de dezembro diversos serviços prestados no Espaço Cidadão da Prefeitura estão inoperantes. A boa é que, vencidos esses dias, não só estes, mas dezenas de outros serviços prestados em todas as secretarias municipais devem melhorar consideravelmente.

Esse avanço se dará porque, finalmente, a Prefeitura ganhará um sistema de gestão pública decente, em ambiente web, que contempla todas as secretarias municipais e com o suporte técnico e operacional especializado.

A contratação do novo sistema foi finalizada recentemente pela Secretaria Municipal de Planejamento (SMPL) e teve como vencedora a IPM Sistemas Ltda., empresa que já presta o mesmo serviço em diversas cidades do Paraná, entre elas o município de Pinhais, tido como um case de sucesso no estado quando o assunto é software de gestão pública eficiente.

O novo sistema custou à Prefeitura R$ 2,1 milhões e foi contratado na modalidade locação da cessão de uso com manutenção mensal. Obviamente, como toda mudança, a migração para o software da IPM gerará alguns transtornos. O principal deles é justamente a interrupção de vários serviços prestados no Espaço Cidadão, como pagamento de impostos e taxas, emissão de alvarás e outras guias da Secretaria de Urbanismo, consultas a débitos de IPTU e coisas do gênero na segunda semana de dezembro. O software Central da Cidadania, pelo qual se solicita diversos serviços públicos, também ficará fora do ar, bem como o portal da transparência e o protocolo de documentos.

Ainda conforme a Prefeitura, ao contrário do que inicialmente se previu, a emissão de notas fiscais eletrônicas dentro do Município, não será “mais” prejudicada. O mais aqui é necessário, pois, como se sabe, esse serviço hoje é já e muito ruim, como atestam contadores e empresários da cidade. Um dos avanços da tecnologia oferecida pelo IPM, aliás, é justamente esta: tornar a emissão de NFe mais rápida.

Por conta da migração, o Programa de Recuperação Fiscal (PROREFIS), que iria até o dia 20 de dezembro, será estendido até o dia 28 do mesmo mês.
Mais informações sobre essas mudanças e os serviços que serão afetados podem ser obtidos pelos telefones 3614-1559 e 3614-1770.

Texto: Waldiclei Barboza

Publicado na edição 1141 – 29/11/18

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*