Home / Colunas / Isidorio Duppa / Colheita de pêssego

Colheita de pêssego


Sempre quando se achegando tempo de colheta de pêsgo iéu tendo poblema dos grande, passarinhada sem educaçón dexon as fruta tudo bicada. Non que iéu sendo contra dar comida pros passarinho, iéu achando que iéles tendo mesmo que percurar cumida pra non parar de cantar nas manhazinha aninciando dia novo que vindo e nos fim de tarde agradecendo dia com sinfonia de cantoria. Mais iéu dizendo que non tendo educaçón proque iéles nunca comendo fruta até o caroço e como mamai sempre dizendo que non se devendo dexar resto no prato por educaçón, iéu achando que iéles quando bicando fruta também devendo dexar só caroço, mais non, don uma bicada numa fruta e notra e notra, fazendo maior dos estrago. Enton iéu sempre tentando novas experença pra espantar os danado e non perder colheta. Uma véis iéu ponhando placa escrivinhada “pruibido dar bicada neste pé”, mas acabando discubrindo que os passarinho son tudo analfabeto e non dando resultado nenhum. Otra véis iéu ponhando umas fotografia da minha irmã Flortcha depindurado nos galho pensando que iéles se assustando com a feiura dela, mais dando mais problema ainda, os corvo resolveron atacar pesseguero e matarón o pé. Otra véis iéu dando uns pipoco com espaia chumbo, mais só atirando pro céu pra evitar poblema com IBAMA, mais acabando tendo poblema com poliça por porte ilegal de arma de fogo, iéu inté mostrando registro da pica-pau que Diadek trazendo da Polônha, os guarda aceitando, mais acabando respondendo processo por contrabando já que registro escrivinhado em polaco. Enton já fazendo uns cinco ano que non ganhando um centavo com venda de pêsgo. Antes Tempo, enchendo caminhon e vendendo tudo duma véis. Enton iéu ficando pensando o que passarinho evitando e se alembrando que a água que passarinho non bebendo sendo pinga, eston resolveu fazer teste, ponhô meia garafa de pinga Trevisan no pulverizador, completô com água e pulverizô um dos pesseguero. Desgracéra Mésmo!!!! Non sendo que passarinhada atacando todas as fruta até o caroço? E ainda despois saiéron cantando tudo enrolado? Notro dia iéu enton foi espantar passarinho com foguete e veja só, os passarinho tavon tudo sentado no pesseguero que iéu passando pinga e dechando os otro sem bicada. Iéu foi enton corendo preparar mais uma dose de pinga com água e passando notro pesseguero, passarinhada tudo avuô e comeron as fruta até o caroço e saiéron filiz da vida. Non teve dúvida, se iéu sacrificar um ou otro pesseguero por dia, iéu salvando a maioria da colheta. Féis iésto por uma semana e acabando coiendo dois caminhon de pêsgo. Iéu féis ligaçón pros Gayer que podendo buscar as fruta pra vender na festa do pêsgo. Os Gayer deron risada, dizendo que podendo dechar na roça apodrecendo que já fazéndo uns cinco ano que non tendo festa do pêsgo. Désgracéra Mésmo!, de réiva iéu espaiando as fruta no gramadón, pulverizando com soluçón de pinga e se non tendo festa do pêsgo, pelo menos tem festa da passarinhada.

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*