Início / Colunas / SMED / Acordo entre a PMA e Estado garante mais vagas de Ensino Médio

Acordo entre a PMA e Estado garante mais vagas de Ensino Médio


A Secretaria Municipal de Educação (SMED) está preparando o ano letivo de 2015 da Rede Municipal de Ensino. Assim, para garantir que todos os estudantes tenham professores, a administração municipal realizou estudos para que a Secretaria de Estado da Educação (SEED) iniciasse o processo para assumir a sua responsabilidade com a manutenção e o desenvolvimento de 6º ao 9º ano do Ensino Fundamental em Araucária, bem como a oferta de Ensino Médio, sobretudo no período diurno.

Primeiramente, a SMED buscou a definição de um termo de cooperação financeira, no qual recursos fossem repassados ao município, cumprindo o que fora estabelecido pela legislação.

No entanto, o Estado declarou a impossibilidade do repasse, mas solicitou ao município a doação de terrenos para construção de escolas. Em virtude da necessidade da construção de novos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEIs), em parceria com o Governo Federal – sete unidades serão construídas – a Prefeitura precisava de áreas para realizar essas obras, por isso não foi possível fazer essa doação.

Dessa negociação, ficou decidido que a SEED irá assumir cerca de 1.500 alunos do 6º ao 9º ano em 2015. Este deve ser o início de um processo para que o Governo do Estado reassuma gradualmente as turmas de 6º ao 9º ano. Com esta decisão será possível direcionar mais atenção e recursos para as demandas do Ensino Fundamental (1º a 5º ano) e Educação Infantil.

As Escolas Municipais David Carneiro e Fonte Nova serão administradas pelo Governo Estadual passando a oferecer o Ensino Fundamental (6º a 9º ano) e o Ensino Médio. A região do Iguaçu ganhará até 527 vagas de Ensino Médio nos períodos diurno e noturno. Na região do Costeira as vagas de Ensino Médio serão ampliadas e estendidas para o período diurno.

Vale destacar que os professores da rede municipal de 6º a 9º anos dessas escolas trabalharão em outras unidades da rede sem qualquer prejuízo.

Desta forma, o planejamento articulado entre a Prefeitura de Araucária e o Estado, por meio da SEED, vai proporcionar que muitos alunos possam frequentar o Ensino Médio durante o dia. E ao mesmo tempo o remanejamento vai diminuir o impacto financeiro com os anos finais para o município e, com isso, auxiliar no processo de universalização da pré-escola a partir de 2016, matriculando crianças a partir de 4 anos de idade.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*