A Prefeitura de Araucária, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMSA), investiu mais de R$ 13 milhões em equipamentos e insumos para melhorar o sistema de saúde do município. Uma das demandas incluídas nesse investimento foi a do Centro Municipal de Atendimento Educacional Especializado Joelma do Rocio Tulio (CMAEE). Os alunos da unidade ganharam cadeiras de rodas novas, que foram entregues no dia 6 de março, numa cerimônia realizada na própria escola. As cadeiras de rodas são diferentes, feitas sob medida e visam atender às necessidades das crianças, adolescentes e idosos, que também as receberam. Ao todo, 115 pessoas serão contempladas ao longo do ano. Segundo a Saúde, a fila de espera por cadeiras de rodas está sendo zerada no município.

“Estamos muito felizes com a conquista, devido ao fato de que as cadeiras auxiliarão no processo de inclusão social e também na reabilitação dos pacientes. É um compromisso que as equipes de saúde possuem no cuidado à pessoa com deficiência. Os profissionais participaram na indicação, tomada de medidas e adaptação das cadeiras”, pontuou o fonoaudiólogo Lucas Foltz, Coordenador do Serviço de Saúde Especial, Centro de Reabilitação Infantil e Centro de Especialidades Terapêuticas.

Diferentes públicos

A Secretaria de Saúde adquiriu 24 unidades para adultos; 6 unidades reforçadas modelo obeso; 14 cadeiras de rodas de banho para adultos; 6 infantis para pacientes com adaptações; 19 unidades para crianças com paralisia cerebral; 8 cadeiras para crianças que conduzem, mas precisam de correção postural; 10 cadeiras para adolescentes ou adultos com paralisia cerebral; 4 cadeiras motorizadas; 6 cadeiras para tetraplégicos tipo padrão e 11 cadeiras monobloco. A previsão é de que sejam adquiridas mais 96 cadeiras ainda este ano caso surjam novas demandas.

Conforme a SMSA, cada paciente que recebeu o equipamento teve o acompanhamento de um fisioterapeuta e de um técnico da empresa que testou com o usuário e ensinou como manuseá-la. Outras cadeiras serão entregues para moradores e também na Escola Agrícola e no Centro de Saúde Especial.

Texto: Maurenn Bernardo

Foto: divulgação

Publicado na edição 1203 – 12/03/2020