Início / Colunas / SMED / Alunos fazem bonito na Olimpíada de Astronomia e Astronáutica

Alunos fazem bonito na Olimpíada de Astronomia e Astronáutica


A Escola Municipal Sebastião Tavares da Silva, no Planalto, está em festa, o motivo é que cinco alunos foram medalhistas na 17ª Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA) no nível 3 da competição (anos finais). A iniciativa tem por objetivos fomentar o interesse dos jovens pela Astronomia, Astronáutica e ciências afins e promover a difusão dos conhecimentos básicos de uma forma lúdica e cooperativa.

A realização da OBA nas escolas depende do apoio e dedicação da direção e de professores. A professora Vera Lúcia Daleffe foi a responsável na Escola Sebastião Tavares. “Os alunos acabam aprendendo muito mais sobre o assunto abordado. A adesão foi surpreendente: 61 estudantes quiseram participar. Durante a preparação, estudamos provas anteriores, fizemos atividades em sala de aula, além de todo o conteúdo programático da disciplina e previsto para o ano”, contou.

Para os alunos foi uma experiência interessante e a premiação com medalhas foi uma surpresa. Os alunos premiados foram: medalha de ouro para Cleberton Ribeiro Vogler, prata para Greice Eduarda Gouveia, e bronze para Luiz Felipe de Mello Grochevski, Guilherme Nóbrega da Fonseca e Milene Hellen Ribeiro Ribas. Além desses estudantes, a aluna do Colégio São Vicente, Cássia Lorena Luckow, também conquistou medalha de ouro, no nível 4 (Ensino Médio).

Todos os participantes da OBA receberam certificado pela participação. No país, mais de 772 mil estudantes participaram da Olimpíada, 42 mil foram premiados com medalhas. “O nosso maior prêmio é o carinho e a alegria deles”, finalizou a professora Vera.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*