Home / Notícias / Geral / Araucária e região tem abastecimento de água comprometido em razão de pane em bombas da Sanepar ocasionada por quedas de energia

Araucária e região tem abastecimento de água comprometido em razão de pane em bombas da Sanepar ocasionada por quedas de energia


Foto: arquivo

A Sanepar informa que em razão da queda da energia houve fadiga nos equipamentos de algumas estações de bombeamento de água de Curitiba. As equipes estão fazendo a manutenção de forma emergencial nesta quinta-feira, 2 de junho. Por esta razão, pode ocorrer falta temporária de água nas regiões nos bairros Santa Felicidade, Butiatuvinha e Lamenha Pequena, em Curitiba; no bairro Boa Vista, em Campo Magro; Colônia Lamenha Grande, Dragão Verde, Nápolis, Santa Maria, Santa Fé, Solar Tanguá, Nossa Senhora do Pilar e Tanguá, em Almirante Tamandaré. A previsão é que o fornecimento de água volte à normalidade gradativamente a partir das 18 horas.

Outra situação é o rompimento de uma adutora que compromete fornecimento, também de forma parcial, nas regiões dos bairros Campo de Santana, Caximba e Tatuquara, em Curitiba; Campina da Barra, Costeira, Iguaçu, Tindiquera, em Araucária; Eucaliptos, Hortência, Iguaçu, Nações, Santarém, Santa Terezinha, Dos Estados, Iguaçu, Santa Terezinha, Jardim São Lourenço, Jardim Brilhante, Jardim Kokubo e Ipê, em Fazenda Rio Grande. A normalização do abastecimento deve ocorrer a partir das 18 horas, de forma gradativa

O nível mínimo no reservatório também prejudica o abastecimento nos seguintes bairros de São José dos Pinhais: Quississana, Roseira, Rio Pequeno, Borda do Campo, Costeira, Jurema, Roseira de São Sebastião, Libanópolis, Iná, Colônia Muricy e Dom Rodrigo. Em Piraquara, afeta o bairro Borda do Campo. A normalização do sistema está prevista para o decorrer da noite desta quinta (02) de forma gradativa.

Clientes que possuem caixa-d’água domiciliar podem não ser afetados pelo desabastecimento. A Sanepar lembra que, de acordo com a Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), cada imóvel deve ter caixa-d’água com capacidade para atender as necessidades dos moradores por, no mínimo, 24 horas. O reservatório domiciliar deve armazenar pelo menos 500 litros.

A Sanepar pede que a população utilize água de maneira racional, evitando desperdícios.

Mau tempo e outras situações podem ocasionar mudanças na execução das obras ou dos serviços.

O Serviço de Atendimento ao Cliente Sanepar é feito pelo telefone 0800 200 0115. Ao ligar, tenha em mãos a conta de água ou o número de sua matrícula.

Para consultar esta e outras informações, use o aplicativo para celular Sanepar Mobile ou acesse sempre o site da Sanepar: http://www.sanepar.com.br

Texto: Agência de Notícias do Paraná

Sobre Redação

Redação

2 comments

  1. Avatar

    A regra da ABNT comenta das 24h, cuja norma sou pleno conhecedor. O problema é que nós, moradores do bairro Costeira estamos sem água desde o dia 29 (segunda-feira).
    A Sanepar omite a informação e responsabiliza os Residentes?
    SANEPAR, vamos assumir a falta de água, arrumar o problema, ser transparente com a população.
    Enviar um SMS avisando do problema também teria ajudado e muito.

  2. Avatar
    Aleksandro Mendel

    Estou sem água desde dia 29.06.2020 minha caixa de água está vazia e ninguém avisa nada, meu bairro Cachoeira Araucária está sem água.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*