Home / Notícias / Geral / Araucária não bate meta em campanha de vacinação contra o sarampo

Araucária não bate meta em campanha de vacinação contra o sarampo

Foto: Carlos Poly

Os casos de sarampo vêm mobilizando as equipes de saúde de todo o país para intensificar a cobertura vacinação. No último sábado, 19 outubro, ocorreu o Dia D de vacinação de crianças contra a doença . Araucária abriu as 11 unidades básicas de saúde da área urbana, das 8h às 17 horas, para a vacinar todas as crianças de 6 meses a 11 meses e também as de 12 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias que ainda não estão em dia com a vacinação. O que preocupa é que apenas 23 crianças de 6 a 11 meses foram vacinadas ao longo do Dia D, conforme registro no Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunização (SI-PNI). Pela estimativa da Secretaria de Estado da Saúde, o número total de crianças nesta faixa etária a serem vacinadas no município durante a campanha nacional de vacinação é de 1.146. No total, Araucária vacinou, considerando os dois públicos infantis, apenas 55 crianças ao longo do Dia D.

As crianças fazem parte do grupo mais vulnerável ao Sarampo, com ocorrência de casos de mortes recentes no país. Na faixa dos 12 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias, na qual a vacina é realizada apenas para quem não está em dia, foram registradas somente 32 doses aplicadas nas UBS de Araucária no último sábado. A campanha de vacinação dessas crianças segue até esta sexta-feira (25) em todas as unidades básicas de saúde do município, incluindo as rurais.

Os números mais atuais deste período de campanha nacional de vacinação mostram que, durante esse período foram protegidas apenas 172 crianças de 6 a 11 meses e somente 198 crianças de 12 meses a 4 anos, 11 meses e 29 dias. A vacina é o único meio eficaz de proteger contra o sarampo, doença que é transmitida pelo ar (respiração, tosse, fala, espirro) e que pode ser contraída em qualquer idade (se a pessoa não está protegida pela vacina). É muito importante não esquecer de levar à UBS a carteira de vacinação e um documento de identificação com foto.

PREVENÇÃO

No mês de setembro, Araucária registrou um caso de sarampo em pessoa atendida na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do município. Trata-se de um morador do bairro Caximba, em Curitiba. Esta confirmação precisa ser entendida como um alerta para as pessoas que não possuem a vacinação contra sarampo em dia, com atenção especial para as crianças. Quem tem a vacinação em dia está protegido.

Segundo o Ministério da Saúde, a campanha de vacinação terá uma outra etapa em novembro. Esta ocorrerá de 18 a 30 de novembro e destinada a jovens 20 a 29 anos, outro grupo considerado pelo Ministério como de maior vulnerabilidade.

Texto: PMA

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*