Início / Colunas / Isidorio Duppa / Atendimento preferencial

Atendimento preferencial


Iéu pensô ansim, se vai ter que ir mésmo pra vila pra pagar o incra no banco aproveita pra falar com gerénte pra vér como anda os finançaménto pra comprar tratór já que tendo poco de dinhéro pra dar entrada. Se achegando, banco ainda fechado estando mas já tendo uma fila dobrando esquina. Iéu ficô na fila esperando banco abrir e aparecéu um sujéito preguntando se quiria alugar cadéra-de-róda pra entrar no banco. Iéu falando que non percizava proquê inda ando bém das perna, mas home que estando atrás de mim féis negócio com o sujéito, saiéu da fila, se assentô na cadéra-de-róda e entrô no banco mésmo com banco fechado. Muiér que tava na frénte disse que caderante tém perferência de atendimento. Nisso aparecéu uma senhora com criança no colo preguntando pra muiér da frénte de querendo alugar criança pra entrar no banco e muiér féis negócio, pegô criança no colo e entrô no banco pra sér atindida. Ótro cidadon tava com uns travesséro na mon e preguntô pra ótra muiér si querendo alugar travesséro pra se fingir de grávida, a muiér pagô cincon e infiô travesséro por debacho da blusa parecéndo barigon, entrô no banco e saiéu rapidinho. Mésmo cidadon aparecéu despóis com uma piruca branca e uma bengala e preguntô pra iéu si querendo alugar cabeléra e bengala pra ir na fila dos aposentado. Bém, já que tudo mundo alugando cóisa pra ter atendiménsto rápido no banco iéu féis negócio, pagô cincon pro cidadon, ponhô cabeléra na cabeça, si arcô nas costa e com bengala se apoiando, quando banco abrindo iéu fói entrando e na porta redonda guarda já mandô passar sem percisar tirar a cinta das calça como das ótras véizes, mocinha bunita do banco já pegô na minha mon e mi levô pra fila dos aposentado, iéu pagô incra e ficô zoiando aquela filona que cobrinha fazendo. Sabe, como dá certo iésta cóisa de se fingir de paralítico, de grávida, de ter criança no colo, de sér veinho, pra ter um atindiménto decente nos banco. Vale a pena o investimento, pelo ménos ganha témpo e num perciza ficar duas hora na fila. Com incra pago iéu fói falar com gerénte pra saber dos finançamento, esperô o ceguinho, a frerinha idosa e o perneta sérem atindido pelo gerénte e passo na frénte duns trinta que também íon falar com gerénte. Loco de contente de ser veinho aposentado, iéu sabendo que tém crédito, tém garantia pra comprar tratór, tém dinhero pra dar entrada, já fói preguntando pra gerénte onde qui iéu assino pra fazér contrato de compra do tratór. Gerénte zoiô pra iéu, torceu bigodon, coçô cabeça, pigareô umas tréis véis e contô que num pode dar finançamento proquê iéu parecéndo muito véio pra assumir compromisso de pagamento que leve mais de dois ano por risco de mórte. Desgracéra Mésmo!!!!

 

 

Publicado na edição 1115 – 30/05/2018

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*