Home / Notícias / Geral / Campina da Barra ganha CMEI para mais de 200 crianças

Campina da Barra ganha CMEI para mais de 200 crianças


O prefeito Hissam Hussein Dehaini (Cidadania) inaugurou na tarde desta quarta-feira, 12 de fevereiro, o Centro Municipal de Educação Infantil Jihad Hissam Dehaini, que atenderá, em média, 205 crianças.


Construída na rua Costa e Silva, no bairro Campina da Barra, a unidade recebeu investimento de quase R$ 1,9 milhão, foi construída pela empresa JCR Construções e Saneamento e levou quatorze meses para ser concluído.

Ao todo, 38 profissionais, entre educadores, professores, pedagogos, cozinheiras, auxiliares administrativos e auxiliares de serviços gerais trabalharão na unidade.

O novo CMEI tem um total de nove salas de aula. A estrutura está dividida em dois pisos, conta também com refeitório, cozinha, lactário, banheiros, lavanderia, sala de educadores, sala multiuso, pátio coberto e parquinho infantil. Projetado por engenheiros e arquitetos da Secretaria Municipal de Planejamento (SMUR), todos os espaços respeitam critérios de acessibilidade, bem como receberam mobiliário totalmente adaptado para crianças de zero a cinco anos.

Portas abertas

Embora a inauguração oficial tenha acontecido somente na tarde de ontem, as aulas pra valer começaram na manhã desta quarta-feira. Todas as crianças convocadas para estudar na nova unidade integravam a fila de espera por uma vaga em Cmeis da cidade, a qual é pública e pode ser consultada no site da Prefeitura de Araucária.

Emoção

Além do prefeito, a cerimônia de inauguração contou com a presença de diversas outras autoridades, como vereadores, a vice-prefeita Hilda Lucalski, a secretária de Educação Adriana Palmieri e o promotor de justiça David Kerber de Aguiar.

Durante a solenidade o prefeito destacou a emoção de entregar uma obra como aquela, onde serão recebidas dezenas e dezenas de alunos, num momento tão importante para o aprendizado como é a primeira infância. Hissam também se emocionou com fato de o CMEI ter recebido o nome de seu filho Jihad, que – ainda criança – faleceu vítima de um acidente de trânsito quando caminhava pelo centro de Araucária. Ao lembrar-se da tragédia, o prefeito ficou visivelmente emocionado e não conseguiu seguir com o discurso.

Texto: Waldiclei Barboza

Publicado na edição 1199 – 13/02/2020

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*