ter. set 22nd, 2020

Olhe só que interessante. A Companhia Municipal de Transporte Coletivo de Araucária (CMTC) está fazendo uma baita reformulação nos itinerários dos ônibus do sistema Triar. Segundo a previsão, a economia que o Município obterá com essas readequações é de cerca de R$ 800 mil por mês, o que dá quase R$ 10 milhões no ano! É uma montanha de dinheiro que deixa de sair do caixa da Prefeitura. Naturalmente, tantas mudanças no nosso busão de cada dia deve causar algum impacto aos passageiros. Mas o benefício deve ser mais do que compensador e se justifica.

Além da mudança que está pro vir, há alguns meses houve o corte do pagamento que Araucária fazia para bancar o transporte coletivo de Contenda, município vizinho. Essa economia, segundo o prefeito foi de R$ 300 mil por mês, o que dá cerca de R$ 3,6 milhões no ano. Somando, só com o transporte, já são R$ 13,6 milhões a menos.

Porém, o interessante mesmo são os “porquês” de tudo isso. Tudo está ocorrendo por conta da falta de recursos. Quer dizer, o dinheiro que costumava entrar a rodo no caixa da Prefeitura está minguado e as despesas continuam imensas. Mas vale lembrar que estes itinerários, no caso dos ônibus, são os mesmos que estavam sendo praticados há muito tempo. Só foi mexido agora porque a água bateu no peito e continua a subir. Seria um exercício de chatice se fosse perguntado agora porque essas mudanças, se eram possíveis, não foram colocadas em prática antes? Quanto não teríamos economizado e onde essa grana toda poderia ter sido investida?

E tem mais. Será que nas grandes secretarias, Educação, Saúde, por exemplo, não existem medidas de reorganização interna que possam ser feitas e que também trarão economias reais? A resposta é sabida de todos. Claro que sim! Mas é coisa que só administrador comprometido com resultados encara. A CMTC está mostrando que é possível. Então, fica a dica para os demais secretários: deem uma passadinha na CMTC para ver se conseguem ter alguma ideia para suas pastas. Pense nisso e boa leitura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.