Home / Notícias / Política / Novo entendimento do STF sobre início do cumprimento da pena não beneficiou Rui. Ex-prefeito segue preso

Novo entendimento do STF sobre início do cumprimento da pena não beneficiou Rui. Ex-prefeito segue preso



O novo entendimento do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o momento em que o condenado em ações criminais deve iniciar o cumprimento da pena tem gerado muita discussão em todo o país, principalmente por conta daquelas operações de combate à corrupção, como a Lava Jato, que foram deflagradas no Brasil ao longo dos últimos anos.

A nova posição do STF acabou fazendo com que vários condenados na Lava Jato que já haviam iniciado o cumprimento da pena fossem colocados em liberdade ao longo deste final de semana, vez que ainda têm recursos pendentes de julgamento em tribunais superiores.

E foi a reportagem exibida no Jornal Hoje, da Rede Globo, deste sábado, 9 de novembro, que fez com que diversos boatos sobre a soltura de um ilustre político araucariense começasse a se espalhar pelas redes sociais.

A matéria exibida pela Globo mostra o ex-ministro José Dirceu sendo posto em liberdade e, logo atrás dele, carregando algumas sacolas, o ex-prefeito de Araucária Rui Sérgio Alves de Souza. Bastou esta imagem para que muitos começassem a espalhar que Rui também ganhou as ruas.

A notícia, porém, não é verdade. Rui segue preso no Complexo Médico Penal, em Pinhais. Isto porque, ao contrário de Dirceu, o ex-prefeito ainda tem pendentes vários mandados de prisão preventiva. Além disso, em pelo menos uma das ações em que foi condenado, Rui não recorreu ao Superior Tribunal de Justiça (STJ), razão pela qual sua sentença neste processo transitou em julgado, o que fez com que fosse iniciada a chamada execução definitiva de sua pena.

Rui, como se sabe, é réu em diversas ações oriundas das operações Fim de Feira e Sinecuras, deflagradas pelo Ministério Público desde o segundo semestre de 2016 e que investiga casos de corrupção praticados por ele e outros políticos enquanto estiveram em cargos público nos poderes Executivo e Legislativo araucariense.

Mas qual razão de Rui carregar as sacolas atrás de Dirceu?

Se esta é a pergunta que você está se fazendo, a gente responde ela pra você. Acontece que Rui é tido como um detento exemplar dentro do Complexo Médico Penal, exercendo – inclusive – diversas tarefas organizacionais na galeria onde está preso. É neste setor onde também estão vários outros condenados por crimes de corrupção e onde estava Dirceu até esta sexta-feira (8).

Por ter essas funções, digamos assim, administrativas dentro do Complexo, coube a Rui auxiliar o ex-ministro de Lula com seus pertences de sua cela e levá-los até a portaria da prisão.

Em nossa próxima edição impressa de O Popular, que vai aos pontos de venda na próxima quinta-feira, 14 de novembro, traremos uma matéria completa sobre como está a situação prisional de Rui.

Sobre Redação

Redação

2 comments

  1. Avatar

    Esse stf é brincadeira mesmo,coisa de bandido,mandar bandido que nem o lula e ze dirceu pra casa.Eé aqui no Brasil o crime compensa mesmo.Enquanto nos pagamos 30 anos uma casa e 6 anos um carro ainda pagamos muito pros corruptos la de cima como esses e os da linha de baixo que invadem terra

  2. Avatar

    uma das coisas mais tristes que já passei, a maior vergonha do meus País!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*