Home / Notícias / Coronavírus / Discussões marcam primeira semana de quarentena na cidade

Discussões marcam primeira semana de quarentena na cidade

O momento é delicado e o os ânimos se exaltam em algumas ocasiões. No bairro Cachoeira, duas situações envolvendo desentendimentos entre vizinhos marcaram os boletins de ocorrência. O primeiro episódio aconteceu entre um sindico e uma moradora.


De acordo com o relato feito aos policiais, o homem questionou uma domiciliada sobre seu retorno ao Brasil, uma vez que a mesma estava em Portugal, temendo que ela por ventura estivesse infectada com o coronavírus. A filha da moradora esclareceu à Polícia Militar que ambas voltaram ao país para cuidarem a avó estar sofrendo de um câncer terminal, mas estão seguindo os protocolos de saúde estabelecidos pelo ministério da saúde.

Outra situação, também em um condomínio, envolveu dois vizinhos. Uma das partes ligou para a equipe queixando-se de um morador, alegando continuas provocações como: tossir e espirrar propositalmente em sua janela. Ao conversar com o acusado, ele explicou que a vizinha havia espalhado, por meio de um grupo no whatsapp do condomínio, que ele teria tido contato com pessoas infectadas pelo COVID-19, e sua tosse se devia ao fato da mesma fumar, e a fumaça chegar até sua varanda. Nos dois casos os PMs orientaram ambas as partes, não havendo novos problemas após a advertência.

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*