Home / Notícias / Comercial / Espaço Além do Olhar combina técnicas de massagem para melhores resultados

Espaço Além do Olhar combina técnicas de massagem para melhores resultados


O espaço Além do Olhar fica na rua Edmundo Gonçalves Ferreira, no bairro
Vila Nova. Foto: Everson Santos

 

A combinação de técnicas de massagem, realizada por profissionais habilitados, pode ser bastante eficaz em diversos tratamentos. Os resultados, inclusive, podem ser notados com maior rapidez. Pensando nisso, o espaço Além do Olhar – Excelência em Massagem realiza a liberação miofascial, como é conhecida popularmente, junto à quiropraxia para casos específicos e sem nenhuma restrição de ambas as técnicas.

Diego Freitas, massoterapeuta do Além do Olhar, explicou como são feitas essas massagens. Mas, antes disso, comentou sobre os tecidos e a musculatura, a fim de facilitar o entendimento sobre as técnicas aplicadas.

“Toda a nossa musculatura é envolvida por um tecido conjuntivo chamado fascia. Nossos músculos são contrários, por exemplo: se você contrai o tríceps, relaxa o bíceps, ainda que eles estejam na mesma ramificação, ou seja, no mesmo grupo muscular. Pois bem, a fascia envolve esse grupo e, se ela está ‘presa’ no bíceps, a pessoa não terá boa flexibilidade, resultando em tensão e um rendimento não satisfatório nos seus treinos. Por outro lado, o tríceps também sofrerá, porque não conseguirá trabalhar totalmente. Sendo assim, terá uma carga maior, o que pode, em casos, gerar lesões”, explicou Diego.

No caso apontado pelo profissional, quando é feita a liberação do bíceps, o músculo ganha maior flexibilidade, há melhor absorção de proteínas e suplementos, a circulação e a força melhoram, entre outras características típicas desta massagem.

“A liberação miofascial é muito usada para tendinite, dor nas costas de forma geral, por atletas e pessoas que fazem exercícios físicos. No entanto, ela é bastante indicada, mesmo porque todos nós, treinando ou não, temos a fascia e ela é tensionada em algum momento”, afirmou.

Já a quiropraxia, de acordo com Diego, funciona como uma “massagem neurológica”. Ele explicou que as informações que passam pelo nosso corpo, realizam um caminho rápido entre a medula e o cérebro. Por exemplo: para mexermos os dedos, esse caminho da informação passa pela medula, onde estão as vértebras. Então, quando uma vértebra está subluxada, parcialmente fora do lugar, essas informações não seguem corretamente o caminho que deveriam até o cérebro, pois sofrem uma interrupção. “Se há um bloqueio entre a medula e o cérebro, a informação pode ir lentamente ou até mesmo não ir. Desta forma, a resposta imediata que nosso corpo entende é a dor”, esclareceu.

Portanto, a quiropraxia é uma técnica que realiza o ajuste das vértebras, desde a cervical até a lombar, promovendo um fluxo para as informações no corpo. “Com o alinhamento, as informações irão correr da forma como devem, rapidamente e sem nenhuma ‘obstrução”, explicou Diego. Quanto às articulações, o profissional observou que o processo é bastante similar. “Se elas estão parcialmente machucadas ou fora do lugar, as informações não chegarão corretamente”, observou.

Por isso, o espaço Além do Olhar, visando promover melhoria na qualidade de vida, realiza a combinação dessas técnicas “É possível soltar a musculatura na liberação miofascial e fazer o ajuste das vértebras e articulações”, declarou. Entretanto, ele lembrou que na avaliação do caso, se o paciente tiver hérnia de disco ou algum outro problema específico, não são aplicadas as duas técnicas devido ao risco de lesão.

“É importante esta conversa inicial com o paciente para que eu entenda o que está acontecendo e então indique o que melhor poderá ajudá-lo”, enfatizou. Diego ainda mencionou que as indicações para essas massagens são diversas, até mesmo para aqueles que sofrem de fibromialgia, insônia, enxaqueca, entre outras situações.

SERVIÇO

O espaço Além do Olhar fica na rua Edmundo Gonçalves Ferreira, 1183, no bairro Vila Nova. Os atendimentos são realizados com hora marcada.

Mais informações pelos telefones 3048-0179 ou Whatsapp 98717-7723.

Texto: Rafaela Carvalho

Publicado na edição 1164 – 23/05/2019

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*