Início / Colunas / SMED / Estudantes transformam garrafas plásticas em foguetes

Estudantes transformam garrafas plásticas em foguetes


Um grupo de alunos do Complexo Pedagógico Lucy Moreira Machado, está tendo uma experiência inovadora nas aulas de Aerodinâmica e Experimentos Científicos. O grupo está produzindo foguetes com garrafas descartáveis de refrigerante, as chamadas garrafas pet’s. Desde o início do ano, a turma está empenhada em realizar os protótipos, estudando e aplicando os conhecimentos teóricos.

Para o lançamento dos foguetes foi criada uma plataforma de lançamento, feita de canos de PVC. Ao invés de combustível usado nos projetos espaciais de verdade, apenas a água e o ar são suficientes para impulsionar os foguetes para o alto.

A atividade realizada com as garrafas de refrigerante faz uso de toda a física de um foguete de verdade. É possível ver a aplicação da Lei da Ação e Reação, a mesma usada nos lançamentos reais. “De acordo com a 3ª Lei de Newton quando a água é expelida da garrafa com certa força, a garrafa é “empurrada” no sentido contrário da água fazendo com que o foguete atinja grandes altitudes”, explica o professor Fábio Nakandakari.

O professor ainda conta que a atividade é uma maneira mais atraente de apresentar os assuntos para os alunos, além de estimular o interesse pela aula. “A construção do foguete de garrafa pet tem por finalidade proporcionar uma atividade prática, instigar e estimular os alunos nas práticas de ciência de uma forma alegre e divertida”, disse.

De acordo Jaide Farias, coordenadora do Complexo, os alunos estão muito entusiasmados com o resultado do trabalho. “Durante as aulas já se percebia a animação da turma, mas foi no momento de ver os foguetes serem lançados da plataforma que todos ficaram encantados, foi surpreendente ver a alegria de cada um”, disse.

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*