Início / Notícias / Coronavírus / Funcionária da UBS Costeira relata possíveis casos de Covid-19 na unidade

Funcionária da UBS Costeira relata possíveis casos de Covid-19 na unidade


Foto: divulgação

Uma funcionária da Unidade Básica de Saúde – UBS Costeira, que não quis se identificar, entrou em contato com o Jornal O Popular, alegando que três profissionais que atuam na unidade, teriam testado positivo para Covid-19 e não teriam sido afastadas. Ela disse que está bastante preocupada, já que os demais profissionais podem ter sido contaminados, e os testes para detectar a presença do vírus não estariam sendo feitos em toda a equipe. A única medida que teria sido tomada foi perguntar para cada funcionário se estariam tendo algum sintoma diferente, e afastá-los, sem a realização do teste. Ela denunciou ainda que nesta terça-feira, 7 de julho, uma funcionária teria passado mal, com sintomas semelhantes aos da Covid-19, e hoje (8) não teria ido ao trabalho.

Sobre as denúncias, a Secretaria Municipal de Saúde informou que todas as pessoas que apresentam sintomas (mesmo que leves) são imediatamente encaminhadas para avaliação e afastadas. Logo, não procede a história de duas médicas e uma agente de saúde, supostamente com Covid-19, trabalhando normalmente na unidade. “Todos que apresentam teste positivo cumprem os 14 dias de afastamento. Se o resultado é negativo, retornam ao trabalho. No caso da UBS do Costeira, quem apresentou sintomas já foi afastado, tudo dentro do protocolo de saúde”, explicou.

A secretaria argumentou ainda que todos os seus funcionários assinaram um termo em que se comprometem a informar imediatamente à chefia, caso apresentem os primeiros sintomas relacionados à síndrome gripal. “Foi mais um cuidado da Saúde para que todos os funcionários passem a prestar mais atenção a sinais que o corpo possa dar. A regra é clara: se alguém apresentar sintomas, deve informar para a chefia e não ir ao trabalho. Os funcionários também são orientados a procurar o atendimento médico e, caso se enquadrem nos sintomas suspeitos de Covid-19, farão o teste”, acrescentou a pasta.

Texto: Maurenn Bernardo

Publicado na edição 1220 – 09/07/2020

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*