Home / Notícias / Coronavírus / Gastos com enfrentamento ao COVID pode superar R$ 12 milhões

Gastos com enfrentamento ao COVID pode superar R$ 12 milhões


Dados divulgados pela Secretaria Municipal de Saúde (SMSA) mostram que as despesas com prevenção e enfrentamento ao novo coronavírus podem superar a casa dos R$ 12 milhões ao longo de seis meses.
Os números foram apresentados em audiência pública realizada na Câmara de Vereadores na última quinta-feira, 28 de maio. Na oportunidade, técnicos da SMSA apresentaram as informações referentes às despesas da pasta ao longo do primeiro quadrimestre e aproveitaram a oportunidade para demonstrar as ações já tomadas na área da saúde para encarar a pandemia.

De acordo com os números apresentados, a maior fatia dos recursos será utilizada para pagamento de pessoal especificamente contratado para o enfrentamento à doença. A equipe ideal prevista pela Secretaria de Saúde contabiliza 32 médicos plantonistas, 30 médicos generalistas, 60 enfermeiros, 34 técnicos em enfermagem, 2 técnicos em radiologia e 2 dois farmacêuticos. Ao final de seis meses, esse exército custará aos cofres municipais R$ 9,5 milhões. Deste total, até o dia em que a audiência foi realizada, já haviam sido contratados 21 médicos plantonistas e 12 generalistas, 57 enfermeiros, 27 técnicos em enfermagem e dois farmacêuticos.

Já em equipamentos para enfrentamento ao Covid-19 foram investidos R$ 345 mil, entre respiradores, biombos, camas hospitalares e outros. Já com materiais como luvas, máscaras, sondas e outras foram dispendidos R$ 242 mil.

Outros R$ 1,9 milhão foram e serão necessários ao longo de seis meses para manter a estrutura de serviços. Estão nesta conta, entre outras coisas, os R$ 278 mil para reforma emergencial do prédio do antigo NIS, R$ 130 mil para locação de cilindros de oxigênio, R$ 193 mil na contratação de serviços de lavanderia para o enxoval utilizado no PA COVID e R$ 480 mil na locação de um tomógrafo.

Texto: Waldiclei Barboza

Publicado na edição 1215 – 04/06/2020

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*