Home / Notícias / Política / Hoje é dia de “live” para discutir concorrência do transporte coletivo

Hoje é dia de “live” para discutir concorrência do transporte coletivo


A partir das 19h desta quinta-feira, 25 de junho, a Prefeitura de Araucária realiza uma audiência pública para apresentar à população de Araucária os termos da licitação para escolha da empresa que ficará responsável pelo contrato do transporte coletivo municipal ao longo da próxima década.

E, em tempos de pandemia, a novidade da audiência pública de hoje é que a participação da população se dará de forma totalmente online, com transmissão ao vivo pelas páginas do Município no Facebook e You Tube. O link específico para acesso à reunião também estará disponível no site da Prefeitura (www.araucaria.pr.gov.br).

Com a transmissão online da audiência, qualquer cidadão poderá efetivamente se inteirar das regras da disputa, esclarecer dúvidas e dar opinião diretamente de sua casa, precisando para isso apenas de um computador com webcam e microfone integrados ou um celular do tipo smartphone.

Detalhes

Prevista para acontecer ainda este ano, a nova licitação para escolha da empresa que irá gerenciar o sistema TRIAR terá lote único compreendendo 31 linhas para alimentação da área urbana e outras 16 que atenderão a área rural. Serão aproximadamente 86 ônibus integrando a frota operante e outros 9 reservas, alcançando 95 veículos e 47 linhas.

Para manter esse sistema operante, serão necessários 301 motoristas, 12 cobradores, 27 controladores de tráfego, 4 controladores de acesso, 39 operadores de manutenção e 29 funcionários de higienização, totalizando 412 vagas diretas de emprego.

A licitação prevê ainda que a Prefeitura irá remunerar o vencedor por quilômetro rodado, sendo que ao final de dez anos a concessionária tenha recebido dos cofres públicos R$ 512 milhões. Os ônibus que deverão ser disponibilizados para atender o sistema TRIAR precisarão ter motores com tecnologia Euro 5 ou superior, considerados menos poluentes. Todos os veículos também serão do tipo convencional, com capacidade para acomodar até 36 passageiros sentados e 100% adaptados para o transporte de portadores de locomoção reduzida.

Benefícios não mudam

Ainda conforme a Secretaria de Planejamento, com a nova licitação nenhum dos benefícios já existentes para os usuários do transporte coletivo municipal sofrerá alteração. Ou seja, a tarifa domingueira segue valendo, isenção para estudantes também, passagem mais barata, integração temporal, wifi nos ônibus, entre outros.

Texto: Waldiclei Barboza

Foto: Everson Santos

Publicado na edição 1218 – 25/06/2020

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*