Início / Notícias / Geral / Jester Furtado comemora resultados do Teatro da Praça no ano de 2015

Jester Furtado comemora resultados do Teatro da Praça no ano de 2015


Jester está no comando do Teatro desde fevereiro passado

Jester está no comando do Teatro desde fevereiro passado

Principal espaço cultural de Araucária, o Teatro da Praça encerrou suas atividades na semana passada comemorando a significativa marca de público de quase dez mil pessoas ao longo de 2015. O número, conforme o superintendente do local, Jester Furtado, se torna ainda mais significativo quando se leva em conta que a maioria dos espetáculos foram levados à comunidade gratuitamente ou com ingressos vendidos a preços populares.

Jester, que comanda o Teatro da Praça desde feve­reiro de 2015, salienta que a programação do local foi intensa ao longo de todo o ano, com oficinas, produções independentes e várias parcerias. Entre estas, aliás, ele destaca o Palco Giratório, realizado conjuntamente com o SESC. “Conseguimos trazer o palco de Curitiba para Araucária. Foram oito espetáculos, com peças de outros estados, que não teríamos condições de trazer não fosse com o apoio do SESC. E, o mais legal é que tivemos um bom público em todas elas”, ressalta.

Líder comunitário, professor e produtor cultural, Jester ainda comemora o fato de ter conseguido diversificar os eventos realizados no Teatro, de modo a trazer os mais varia­dos tipos de público ao local. “Temos uma excelente equipe aqui no Teatro e, da mesma forma, um respaldo grande da direção da Secretaria de Cultura e da Prefeitura como um todo e foi só por isso que conseguimos esses resultados”, acrescenta.

Ele ressalta, por exemplo, o festival de Poesia Encenada, realizado pela primeira vez em 2015. “Com esse evento, conseguimos trazer um público diferente do público teatral ao Teatro. Foi muito legal, pois conseguimos a participação, além dos poetas clássicos da cidade, de novos talentos, que, com certeza se entusiasmaram ao ver que estamos pensando em eventos para eles”, analisa.

O superintendente elenca ainda outros vários espetáculos que passaram pelo espaço, como stand-ups, produções infantis, shows musicais e os encerramentos das oficinas promovidas pelo próprio Teatro. “Ao longo do ano, oferecemos várias oficinas para os araucarienses, são seis turmas de teatro, três de jazz e uma de dança de rua. Todas elas são gratuitas e agora no final do ano fazemos as apresentações finais, que são sempre muito prazerosas e emocionantes, pois vemos a evolução desses alunos e temos a presença dos seus familiares acompanhando o espetáculo deles”, comenta.

Entre outras ações desenvolvidas pelo local ao longo do ano, citada por Jester, está uma parceria com o SESC Portão, que possibilitou que o palco do Teatro fosse transformado em cinema às quartas-feiras. “Conseguimos um bom público com este trabalho, principalmente de alunos de escolas da cidade. Houve, inclusive, situações em que os professores transformavam essas sessões de cinema numa atividade extraclasse, posteriormente trabalhando o tema do filme em sala de aula”, explica.

Jester ainda lembra que o Teatro da Praça, embora poucas pessoas saibam, disponibiliza seus figurinos para empréstimo para a comunidade. “Para tanto, basta que a pessoa vá ao Teatro e assine o termo de responsabilidade sobre a peça escolhida”, orienta. Por fim, o superintendente reforça o convite para que todos os moradores de Arau­cária conheçam o Teatro e vivam a sua programação. Acrescenta ainda que as matrículas para as oficinas desenvolvidas no local começam em fevereiro do ano que vem. “Apesar das dificuldades financeiras do Município, tivemos um ano muito produtivo e esperamos poder continuar com esse trabalho em 2016”, finalizou.

Texto: Waldiclei Barboza / FOTO: EVERSON SANTOS

2 comments

  1. Parabéns à cidade, a todos os participantes envolvidos em cada uma das atividades e, principalmente ao Jester, que dedica seu esforço pessoal no desenvolvimento da cultura, do saber e do aprimoramento das relações humanas.

    • Obrigado Sidney!!!
      Honrado e motivado por suas palavras!
      Nossa Cultura, nossa cidade e nossa gente merecem toda energia dispensada para a construção de dias melhores.
      Viva o poder que a Arte tem de frear a coisificação humana!!!

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*