Compartilhe esta notícia
Silvio Barbosa fugiu após saber que seria preso. Foto: divulgação

A juíza titular da Vara Criminal de Araucária, Débora Cassiano Redmond, expediu um mandado de prisão contra Silvio José Barbosa, acusado pela morte do jovem Lucas Gonçalves Eduardo de Lima, ocorrido em 26 de outubro de 2013. O problema é que o réu está foragido, pois já previa que o mandado sairia a qualquer momento, após a Juíza ter negado o pedido da defesa, para que ele cumprisse pena em prisão domiciliar. Os advogados de Silvio alegaram que ele é portador de HIV e tem o sistema imunológico deficitário, tentando enquadrá-lo na Recomendação 62/2020 do Conselho Nacional de Justiça – CNJ, que beneficia réus pertencentes ao grupo de risco da Covid 19.

Este foi o último recurso impetrado pela defesa, já que todos os demais haviam se esgotado. Com a negativa da Juíza, Silvio se viu encurralado, sabendo que poderia ser preso a qualquer momento, e fugiu. Familiares de Lucas estão revoltados porque ainda não conseguiram ver o assassino do adolescente atrás das grades. E tão logo tomaram conhecimento da fuga de Silvio, ofereceram a recompensa de R$ 5.000,00 para quem tiver alguma informação que possa levar ao seu paradeiro.

Publicado na edição 1239 – 19/11/2020

Compartilhe esta notícia
Fechar anúncio