Home / Notícias / Policial / Morre na transa com a amante

Morre na transa com a amante


A Polícia Militar foi acionada para atender uma situação onde um homem havia morrido em um carro, no final da rua João Assef, bairro Estação, no meio da tarde de segunda, dia 13 de junho. À princípio a situação parecia um homicídio, mas quando os policiais chegaram no local descobriram que a causa seria “quase” natural.


Acontece que este homem e uma mulher, os dois casados na faixa do 50 anos, ele de Curitiba e ela de Araucária, mantinham um relacionamento “por fora” e que, até então, estaria apenas nas redes sociais. Decidiram sair do virtual para o real e marcaram de consumar a coisa ali naquele trecho sem movimento da rua João Assef. Tudo parecia estar dando certo, até que, bem na hora que a coisa estava pegando fogo, o homem teve um ataque fulminante e morreu em cima da mulher, peladão. Ela contou aos policiais que ficou apavorada com a situação e teve dificuldade em tirar ele de cima dela. Depois fez o que pôde para vesti-lo e chamou a polícia.

A suspeita é que o homem tenha exagerado na dose do remédio para disfunção erétil, similar ao viagra, e seu coração pode não ter resistido a tanta agitação numa só tarde. No carro, um Fiat Pálio Weekend, foi encontrado uma cartela sem dois comprimidos do tal remédio.Última bimbada

 

 

 

 

 

Última bimbada

 

 

 

 

 

 

 

Última bimbada

 

 

 

 

 

 

Última bimbada

Sobre Redação

Redação

3 comments

  1. Avatar

    Remédios só sob consulta médica.

  2. Avatar

    Se for pra morrer que assim seja…

  3. Avatar

    Bonito, né???

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*