Início / Colunas / Isidorio Duppa / Na frente do banco

Na frente do banco


Iéu saiéu vendendo verdura na cidade, um maço de rabanete aqui um kilo de cebola ali, umas cabeça de repoio acolá e foi juntando uns trocado pras despesa, inté que sobrando dois macinho de chero verde e uma cabeça de alface crespa, pra acabar com estoque iéu aprendendo que miór mesmo sendo fazer liquidaçón e ficando na porta da caxa econômica fazendo promoçón do deizón, tudo por déis real. Senhora preguntando se tendo troco pra cem real que iéla acabando de sacar no caxa eletrônico que iéla arematando estoque, iéu contando dinhero tendo noventa real da venda e ficando loco de contente proque acabando fazendo bom negócio, ponhô nota no bolso. Quando fói indo pra rodoviária lembrando que cobrador non trocando nota grande e resolvéu quebrar em miúdo, como tendo tempo, acabô entrando na fila do banco pra quebrar nota, despois de duas hora de espera iéu deu nota pro caxa dizendo que podendo ser uma de cinquenta e resto de déis, moço do caxa deu risada preguntando se iéu sendo aquele polaco engrassado do jornal, iéu ficando contente que inté gente importante que nem caxa de banco conhecendo iéu, fói dizendo que sendo iéu mesmo e preguntô como que iéle discubrindo, moço do caxa dizendo que sabendo proque o que iéu pidindo pra iéle sendo piada, trocar uma nota falsa de cem real no banco. Como nota falsa? Se senhora acabando de tirar do caxa eletrônico, moço enton explicando que pexe que estando na nota de cem sendo a garopa e non bagre e que marca dágua da nota sendo da figura da repúbica e non as letras SF. SF? Iéu preguntando, moço falando Se Ferando! E que sente nos dedo as letra em alto relevo e que papel parecendo papel giênico e que só sirvindo pro próprio destino. Iéu non sendo buro, fói dizendo que querendo entron ver a gravaçón da camara pra provar que aquela senhora tirando a nota do caxa eletrónico pra provar que iéu estando certo e querendo indenizaçón do dinhero. Moço do caxa chamando gerente e explicando fato e gerente quando pegando nota dando risada. Iéu bateu pé ezigindo as image da senhora se non iéu indo na poliça, gerente dando risada, iéu falando que se non vendo as image iéu non aredando pé da agença, gerente dando risada, iéu falando que enquanto non zoiar a image vai ficar cantando o xaxixón verméio pra povo que estando na fila, gerente enton ficando sério dizéndo que iésto non, que iéle mostrando as image pra non corer risco de perder cliente. Fumo numa salinha com computador e gerente foi passando as image, quando iéu reconheceu a senhora foi dizendo que sendo iéla e gerente aprochimô a camara e fiquemo zoiando, mulher entrando com bolsa ficando detrais de um home, quando home sacô dinhero mulher tirando revolve da bolsa e pegô dinhero do home, zoiô pra camara e mostro língua. Iéu enton preguntô pro gerente se banco non tem segurança pra iéstes caso de alsalto e proque que o home non dando quexa, gerente enton falando que o home assaltado sendo o segurança do banco.

Publicado na edição 1177 – 22/08/2019

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*