Início / Notícias / Política / PMA pagará R$ 5 mil em locação de imóvel para assessorias

PMA pagará R$ 5 mil em locação de imóvel para assessorias


Aparentemente, prédio ainda está em contrução: reparem só nos tijolos sem reboco na parte de cima

Aparentemente, prédio ainda está em contrução: reparem só nos tijolos sem reboco na parte de cima

O prédio é praticamente novo, todo envidraçado, mas parece não ter sido concluído ainda. Do mesmo modo, não há no local qualquer tipo de acesso a portadores de necessidades especiais. Mesmo assim, a Secretaria Municipal de Governo (SMGO) decidiu locá-lo para servir como um órgão público. Vai pagar pelo espaço a bagatela de R$ 5.069,00 mensais.

Conforme dados do extrato do contrato firmado entre a Prefeitura e os donos do imóvel, Issac Ferreira Cordeiro e Juracy Herreiro Cordeiro, a casa vai servir como sede das assessorias Comunitária, da Juventude e também da Ouvidoria Geral e está locada por doze meses.

O prédio tem área construída de 370 metros quadrados e está localizado na Avenida Manoel Ribas, no jardim Santa Regina, numa área onde as linhas de ônibus são escassas, o que deve dificultar o acesso de associações de moradores e também de grupo de jovens, justamente o público alvo do órgão.

Também causa estranhamento o fato de – até pouco tempo – a sede do serviço, que agora a Prefeitura transferiu para a Manoel Ribas, funcionar na Rua Fernando Suckow, bem em frente ao prédio do Paço Municipal. Pelo antigo local, a Secretaria de Governo também pagava um aluguel bem mais em conta: R$ 1.678,10. O valor, aliás, segue sendo pago, porém – oficialmente – não há outro serviço funcionando lá.

Outro detalhe que chama a atenção é o fato de o contrato informar que o novo prédio locado servirá como sede da Ouvidoria Geral, setor que nos últimos dias foi instalado no Espaço Cidadão, dentro do prédio da Prefeitura.

Nossa reportagem tentou contato com o secretário de Governo, Ronaldo Assis Martins, no início da noite de ontem, 8 de junho, em busca de mais informações sobre as razões que motivaram a locação do prédio envidraçado da Manoel Ribas, mas ele não atendeu ao telefone.

Texto: Waldiclei Barboza / FOTO: EVERSON SANTOS

6 comments

  1. Eis aí um bom começo de trabalho para o Observatório Social, que tal uma analise apurada nos mais variados contratos de locação de próprios municipais hein?

    • Pois é alguns predios a pessoa fez como hotel para alojar as pessoas da obra da petrobras e agora vira um departamento de uma secretaria e ainda num valor bem alto,dai naoo tem dinheiro mas pra coisas desse estilo ha

  2. Dinheiro para saúde e Educação não tem ,mas para pagar aluguel acima do valor tem, provavelmente o proprietário deste imóvel e parente do prefeito ou de alguém da prefeitura .
    Ta na hora da população de Araucária acordar ,e pensar bem na próxima eleição em quem vai votar .
    Na eleição passada tivemos chance de mudar de prefeito por uma pessoa nova ,mas infelizmente tem gente com com memoria curta ,vamos mudar o ano que vem para o PPS

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*