Home / Notícias / Coronavírus / População ainda tem dúvidas sobre a aplicação dos testes de Covid-19

População ainda tem dúvidas sobre a aplicação dos testes de Covid-19


A Prefeitura de Araucária está aplicando testes em todas as pessoas que apresentam sintomas que podem estar relacionados ao novo Coronavírus (Covid-19), mesmo que sejam sintomas leves. Antes, a testagem era indicada apenas para as pessoas que apresentavam sintomas mais graves, conforme previsto no protocolo do Ministério da Saúde. O problema é que grande parte da população ainda tem dúvidas sobre essa testagem, sendo as principais com relação aos tipos de testes que estão sendo feitos, qual o período certo em que os testes devem ser aplicados, desde o aparecimento dos primeiros sintomas, qual a média de tempo para a emissão dos resultados. Outra dúvida diz respeito ao Disk Corona, o atendimento telefônico feito por profissionais da saúde que esclarece e orienta sobre assuntos relacionados ao novo coronavírus. Muitos afirmam que a partir do momento em que ligaram e foram orientados a cumprir quarentena, não receberam o acompanhamento das equipes da Saúde.

Sobre as dúvidas da população, a Secretaria Municipal de Saúde disse que estão sendo realizados pelo município, testes de laboratório e exame de imagem (tomografia) para confirmação de casos de Covid-19. O teste RT-PCR, por exemplo, é feito no período de 3 a 7 dias do início dos sintomas. O sorológico (teste rápido) é utilizado para mapeamento da circulação do vírus no município em pessoas que tiveram sintoma em algum momento e deve ser realizado pelo menos 7 dias após o início dos sintomas, porém, o ideal seria fazê-lo após o 14º dia. Já o exame de tomografia é realizado conforme indicação médica.

A Saúde explicou que não há prazo para emissão dos resultados, mas há situações em que o laudo do teste sorológico pode sair no mesmo dia da coleta. Já no caso do teste RT-PCR, existem dois laboratórios que fazem a análise e, como a demanda tem sido grande (de todos os municípios), a emissão do resultado tem demorado mais. “É preciso esclarecer que o tratamento do paciente não está condicionado ao resultado, o atendimento médico ocorre com base nos sintomas. O teste é apenas uma confirmação da presença/contato ou não do vírus”, orientou a secretaria, lembrando que o Ministério da Saúde divulgou no dia 24 de junho, que exames de imagem, como a tomografia, passam a ser aceitos para confirmação de diagnóstico de Covid-19.

Com relação ao Disk Corona, a Saúde esclareceu que todos os pacientes que se enquadram em sintomas de síndrome gripal são direcionados para atendimento. Os que apresentam sintomas muito leves são orientados a se cuidarem e, se houver piora, ligar novamente no serviço para mais orientações. Os que não se enquadram na situação de síndrome gripal são orientados a buscar atendimento em uma unidade básica. O Disk Corona informa que não isola pessoas sem o termo de isolamento.

O acompanhamento das pessoas em monitoramento é realizado por outra equipe de saúde. Esta equipe telefona para verificar como está a pessoa no momento e se não houve piora no quadro de saúde. Com o grande crescimento no número de casos em monitoramento, houve uma sobrecarga que resultou em atraso no contato com algumas pessoas. Porém, a equipe já está sendo ampliada e o morador que tiver qualquer dúvida (incluindo sobre sintomas) pode sempre entrar em contato com o Disk Corona para os esclarecimentos.

Texto: Maurenn Bernardo

Foto: divulgação

Sobre Redação

Redação

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*