Início / Notícias / Geral / População cobra andamento do asfalto no Jardim Califórnia

População cobra andamento do asfalto no Jardim Califórnia


Na rua Pelicano, que tem o maior trecho a ser asfaltado, estão sendo feitos serviços de drenagem. Foto: Jornal O Popular

A pavimentação das ruas do Jardim Califórnia, no bairro Capela Velha, um dos mais populosos do município, nem bem começou, e já teve que ser paralisada. Com isso, os moradores da região ficaram apreensivos. Segundo eles, em janeiro deste ano a Prefeitura teria anunciado que a obra começaria em 15 dias, porém, além de começarem com atraso, não prosseguiram. De acordo com a Secretaria Municipal de Obras Públicas (SMOP), os serviços começaram em maio, mas logo depois tiveram que ser interrompidos porque a empreiteira contratada, via licitação, para executar a obra, constatou alguns problemas no sistema de drenagem.

Ainda de acordo com a SMOP, a empresa teria alegado que a drenagem não iria funcionar se fossem utilizadas as atuais tubulações. “Dessa forma, tivemos que paralisar temporariamente os serviços, para não perder os recursos do Governo do Estado, que é quem financia a obra”, explicou a SMOP. A secretaria então enviou técnicos ao local e fez uma vistoria, juntamente com a empreiteira, onde as tubulações foram testadas e constatou-se que teriam capacidade suficiente para aguentar o porte da obra. “Os serviços foram retomados em julho, sem necessidade de nova licitação, e no momento, as máquinas trabalham na rua Pelicano, por isso as pessoas podem não estar vendo o asfalto acontecer”, esclareceu a SMOP.

A meta é que os serviços sejam acelerados para compensar o atraso, e que em cerca de oito meses, a obra seja concluída. A pavimentação vai abranger 11 ruas do jardim Califórnia, sendo a maior delas a Pelicano, com 1.029,51 metros de extensão. Além do asfalto, o projeto abrange serviço de drenagem de águas pluviais, meio-fio, paisagismo, calçadas com acessibilidade e sinalização viária.

Texto: MAURENN BERNARDO

Publicado na edição 1178 – 29/08/2019

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*