Início / Notícias / Comercial / Problemas posturais atingem crianças e adolescentes

Problemas posturais atingem crianças e adolescentes


O ideal é que os estudantes carreguem, no máximo, 10% do seu peso, ou seja, uma criança de 30kg poderia andar com uma mochila de até 3kg

O ideal é que os estudantes carreguem, no máximo, 10% do seu peso, ou seja, uma criança de 30kg poderia andar com uma mochila de até 3kg

Houve um tempo em que dores nas costas eram sinônimo de idade avançada e resultado do árduo trabalho na roça. No entanto, essa realidade mudou e hoje são as crianças e adolescentes que ocupam a maior parte da agenda dos especialistas na área.

De acordo com a fisioterapeuta Jaqueline de Morais Hiittener, proprietária da Clínica Reabilitar RPG e Fisioterapia, os pequenos da atualidade gastam horas em frente ao videogame e ao computador, apresentam postura inadequada ao sentar em sala de aula e carregam peso excessivo nas mochilas. “A união desses fatores aliada à falta de exercícios físicos faz com que eles desenvolvam diversas patologias como escoliose, deformidades ósseas e até problemas no crescimento”, informa.

Para evitar isso, ela garante que os pais precisam atentar para as práticas das crianças e ajudá-las a mudarem seus hábitos. “Na questão das bolsas pesadas, por exemplo, o ideal é usar mochilas de rodinha ou carregar, no máximo, 10% do peso da criança, ou seja, alguém que pesa 30kg não pode carregar mais que 3kg”, aconselha. Outra recomendação, segundo ela, é a de que as mochilas sejam carregadas nos dois ombros para que a carga permaneça distribuída na região central mediana do corpo. “E aqueles estudantes que optam pelas bolsas do tipo carteiro precisam alternar os lados do uso da bolsa para não sobrecarregar apenas um ombro”, completa.

Além disso, Jaqueline afirma que a juventude da atualidade precisa afastar-se do sedentarismo e criar uma consciência corporal para que corrija sua postura. “Esse é o trabalho realizado nos tratamentos de RPG, que podem ser aplicados em diversas patologias que requerem fisioterapia como problemas posturais, patologias reumáticas, problemas traumáticos após alguma lesão, entre outros”.

Ainda de acordo com ela, esse método terapêutico manual é aconselhado para crianças e adultos que sentem dores na região da coluna, e traz resultados significativos. “O RPGista trabalha com o paciente individualmente em sessões de 50 minutos, então a melhora é visível e acontece em períodos diferentes que variam em cada caso”, garante.

No entanto, antes de chegar a esse tratamento o paciente precisa receber orientação médica e encaminhamento correto. “Depois de se consultar com o médico, esse paciente deve fazer uma avaliação na clínica escolhida e tirar todas as suas dúvidas”.

Clínica de RPG

Em Araucária, é possível realizar o tratamento na Clínica Reabilitar RPG e Fisioterapia, que atua na cidade há cinco anos. “Para realizar sua avalição conosco, basta entrar em contato, marcar seu horário e trazer um pacote de fraldas geriátricas que serão encaminhadas para doação”, informa Jaqueline, que convida todos os interessados para conhecerem a clínica.

A Reabilitar RPG e Fisioterapia atende de segunda a sexta-feira na Rua Alfredo Parodi, 403. Mais informações pelo telefone 3643-5788.

Texto: Raquel Derevecki / Foto: Everson Santos

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*