Na tarde de sábado, 15 de agosto, por volta de 17 horas, uma mulher abordou uma viatura da Polícia Militar que fazia patrulhamento na rodovia do Xisto, bairro Sabiá, alegando que tinha sido vítima de um sequestro relâmpago no momento em que saía da manicure.

A mulher disse ainda que foi abordada por um sujeito armado e este lhe pediu dinheiro e pertences pessoais. Como ela explicou que não tinha nenhuma quantia com ela, o bandido a obrigou a entrar no carro e a levou até a Lapa, onde a teria obrigado a fazer um saque de mil reais no caixa eletrônico do HSBC, valor equivalente ao limite diário de saque.

Depois o malandro seguiu sentido Araucária, mas desceu antes de chegar na cidade, levando ainda o celular da vítima.