Home / Notícias / Policial / Tribunal do Júri condena autor do assassinato de “He-man”

Tribunal do Júri condena autor do assassinato de “He-man”


O Conselho de Sentença do Tribunal do Júri de Araucária condenou na quinta-feira, 6 de fevereiro, o réu Jefferson Junior de Oliveira, pelo assassinato de Willian de Andrade, mais conhecido por “He-man”, no dia 9 de janeiro de 2016. A condenação veio três dias antes de o crime completar quatro anos. Jefferson, que já era reincidente e respondia por outros crimes, foi condenado a 15 anos e 9 meses de reclusão em regime fechado.

O crime aconteceu na rua Tiriva, no bairro Capela Velha, na residência de Willian, que foi surpreendido pelo seu algoz, no momento em que bebia e conversava com amigos. Jefferson chegou de repente, usando duas armas de fogo, disparou várias vezes contra Willian, que morreu ainda no local.

No dia do crime, testemunhas relataram que viram quando um homem chegou em um veículo Fiat Uno, cor branca, estacionou o carro e entrou no quintal da casa, efetuando diversos disparos contra “He-man”. Na sequência, o autor dos disparos fugiu.

Publicado na edição 1199 – 13/02/2020

Sobre Redação

Redação

One comment

  1. Avatar

    O que? O Esqueleto conseguiu mesmo matar o He-Man?

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*