Home / Notícias / Geral / Usuários apontam problemas na estrutura do Parque Cachoeira

Usuários apontam problemas na estrutura do Parque Cachoeira

O Parque Cachoeira é um dos pontos turísticos mais movimentados do município, atraindo visitantes e moradores em diversos dias e horários da semana. Passando por algumas melhorias desde o fim do ano passado, o local vem sendo alvo de críticas por parte dos seus usuários, em razão da pausa nas obras e da falta de atenção de quem circula pelo parque. As reclamações começam por um problema recorrente entre pedestres e ciclistas na pista de caminhada. Segundo relatos, alguns condutores circulam pela área em alta velocidade, ignorando as placas que indicam o horário adequado para a atividade, causando acidentes e até mesmo discussões. Outra queixa é a instalação da pista emborrachada. A obra para a colocação do equipamento está paralisada, deixando a área cheia de pedregulhos, dificultando a utilização do espaço.

“Os atletas que usam o parque estão com dificuldades para treinar, porque a grama está cheia de buracos, na pista os ciclistas andam correndo, as traves foram quebradas e as redes de vôlei rasgadas estão sem condições de uso”, explica um dos usuários. Os usuários reclamam ainda que dentro dos trabalhos de revitalização do local, a instalação das churrasqueiras no bosque também estavam previstas no projeto, contudo, os serviços foram interrompidos em setembro do ano passado, deixando o espaço com entulhos e objetos utilizados nas obras, apresentando risco a todos.

O parque é um lugar movimentado, por isso, quem costuma frequentá-lo diariamente, expressa sua preocupação com a preservação do local, pois com os constantes desentendimentos entre corredores, ciclistas e até mesmo pessoas que utilizam o espaço como lazer, principalmente nos domingos, uma briga pode acontecer a qualquer momento. “Já vi gente atropelar os cachorros, trombar com os idosos e derrubar uma criança. Não vai demorar para sair uma confusão das grandes”, lamenta outro usuário.

Em resposta às reclamações, a Secretaria Municipal de Esporte e Lazer (SMEL), explica que a pista emborrachada será finalizada assim que o asfalto for aplicado. Quanto às redes de vôlei, a Prefeitura afirmou que as mesmas foram trocadas nesta semana. Já em relação à grama do campo, esclareceu que por ter sido recém plantada, ainda está em processo de fixação no terreno, mas garante que reparos serão feitos. Sobre os casos de ciclistas que trafegam em velocidade superior a permitida nas pistas, a SMEL informa que o cidadão pode acionar a Guarda Municipal pelo telefone 153, já que no local existem placas sinalizadoras.

Texto: Maurenn Bernardo

Foto: Marco Charneski

Publicado na edição 1200 – 20/02/2020

Sobre Redação

Redação

5 comments

  1. Avatar

    O que Araucária precisa é de mais projetos de lazer, a construção de uma pista de ciclismo seria algo muito bom para a cidade. Quem vai para o parque cachoeira geralmente vai para passeio então realmente uma prática desse esporte não seria muito conveniente. Araucária tem a várzea do grêmio próximo ao loteamento torres ali com um bom projeto caberia uma pista de ciclismo e um campo de futebol, lembrando que o local é utilizado a anos para pratica de futebol.

    • Avatar

      O que tem que ser feito no parque é limpeza nesses matos e tambem gostaria de um dia ver nenhum plastico jogado.E ja viu o cheirao de esgoto do lado do meio ambiente?É isso que tem que ser feito e nao arrumar campo de futebol e fazer churrasqueiras.

  2. Avatar

    Lazer pra que? Povo só vai nessa cidade aí pra trabalhar e depois voltam pra Curitiba

Deixe um comentário

Seu e-mail não será publicado. Campos marcados com * são obrigatórios *

*